Quais são os perigos de telefones celulares em bolsos?

Escrito por gigi starr | Traduzido por ricardo soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os perigos de telefones celulares em bolsos?
Armazenar um telefone celular no bolso possibilita vários riscos inerentes (danger image by Loic LE BRUSQ from Fotolia.com)

Caso seja uma pessoa agitada, é fácil colocar seu celular no bolso disponível sem pensar duas vezes. Qual seria o problema? A verdade, no entanto, armazenar um telefone em um bolso pode acarretar em riscos mecânicos e físicos. Um telefone não só pode ser danificado por acidente, como também podem haver efeitos adversos à saúde.

Outras pessoas estão lendo

Danos ou perda do equipamento

Quando um telefone está em seu bolso, apenas sentar de mau jeito pode transformar um equipamento utilizável em uma triste pilha de plástico rachado. Um movimento involuntário do braço poderia empurrar um telefone leve do bolso da camisa sem o seu conhecimento, ou o bolso de um jeans apertado pode fazer com que ele saia do bolso caso vibre. Além disso, tenha em mente que muitas operadoras se recusam a dar cobertura aos danos autoinfligidos. E mesmo que a garantia cubra o dano, o novo telefone pode não corresponder às suas expectativas. "Algumas pessoas se queixam de seu telefone substituto ser usado, o que a indústria chama de 'reformado'", MSNBC relatou. "Outros estão surpresos com a franquia, geralmente em torno de R$110,00."

Queimaduras

Originalmente, um telefone celular era um pequeno dispositivo eletrônico que funcionava com uma bateria altamente inflamável. Depois de uma longa conversa, a bateria geralmente ficava quente, com a temperatura alta o suficiente para ser sentida na parte externa do aparelho. Em alguns casos, esse calor pode ser perigoso. Em um caso de 2007, um californiano sofreu dolorosas queimaduras de segundo e terceiro grau em grande parte de seu corpo, quando seu celular explodiu. A revista "Wired" relatou que os bombeiros acreditavam que a causa tenha sido o telefone.

Esterilidade e infertilidade

O calor e a radiação emitidos pelos telefones celulares podem ser considerados "assassinos de esperma", de acordo com um estudo apresentado à Sociedade Americana de Medicina Reprodutiva. Com o tempo, a energia térmica e as ondas eletromagnéticas provenientes de um telefone celular retardam a mobilidade do esperma e diminuem sua potência, especialmente em usuários frequentes. "Aqueles que fizeram ligações em um celular por mais de quatro horas em um dia tiveram as piores contagens de espermas, que têm a pior qualidade", disse Daily Mail em seu relatório sobre o estudo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível