Quais são os riscos de má formação das veias cerebrais?

Escrito por m. gideon hoyle | Traduzido por luigi bahia
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os riscos de má formação das veias cerebrais?
O cérebro e seu suprimento sanguíneo (Image by Flickr.com, courtesy of Shaheen Lakhan)

Malformações venosas cerebrais ou angiomas venosos são anormalidades na estrutura normal dos vasos sanguíneos no cérebro. Elas estão relacionadas a um grupo maior de deformidades chamado malformações vasculares cerebrais e malformações arteriovenosas (MAV) do cérebro. Malformações venosas cerebrais são geralmente benignas, mas é preciso um diagnóstico preciso para excluir a presença de tipos mais perigosos da AVM.

Outras pessoas estão lendo

Fatos

De acordo com a American Heart Association, AVMs ocorrem quando as ligações entre artérias e veias no cérebro são alteradas. Normalmente, as artérias alimentam o cérebro através pequenos vasos chamados capilares, que dispersam o sangue cheio de oxigênio no cérebro e permitem que ele funcione corretamente. O sangue sem oxigênio é então captado pelas veias dentro do cérebro e transportados de volta para os pulmões e coração. Em indivíduos com malformações venosas cerebrais, veias anormais adicionais estão presentes que são ou grander ou ancoradas em locais não-funcionais.

Detecção

Para detectar uma malformação venosa cerebral ou outra forma de AVM, os médicos podem pedir ou a tomografia computadorizada (TC) ou uma ressonância magnética (MRI) magnética do cérebro. Além de detectar a presença de um AVM, estes testes podem determinar o tamanho de uma malformação e se ela se rompeu ou não. Os médicos também podem optar por realizar um procedimento chamado angiografia cerebral. No início do ensaio, um tubo fino chamado catéter é inserido através de uma artéria na perna e guiado pelo corpo para os vasos sanguíneos no pescoço. Os médicos então usar este cateter para injetar uma solução chamada de material de contraste, o que faz com que o suprimento de sangue do cérebro se destaque em exames de imagem.

Significância

Malformações venosas cerebrais podem ocorrer em qualquer lugar no interior do cérebro, assim como na sua superfície exterior. Normalmente, essas veias anormais não são parte de conexões artéria/capilar normais. De acordo com o Harvard Medical School’s Neurovascular Center, malformações venosas são comuns e geralmente inofensivas. Se diagnosticadas apropriadamente, o tratamento posterior não é geralmente necessário.

Considerações

Durante a verificação de malformações venosas, os médicos também vão procurar outras formas de AVM. A forma mais comum e perigosa da AVM é chamada de malformação arteriovenosa verdadeira. Ao contrário de malformações venosas cerebrais, verdadeiros AVMs envolver artérias que ignoram as conexões capilares normais e 'alimentam' diretamente as veias. Estas veias não são projetados para lidar com a pressão desta ligação direta, e a força resultante pode enfraquecê-las e causar falhas no sistema. Se um AVM verdadeiro estoura, pode desencadear consequências graves, incluindo hemorragia cerebral, convulsões, acidente vascular cerebral e morte.

Prevenção

Enquanto não são herdadas entre as gerações, malformações venosas cerebrais e outras formas de AVM estão tipicamente presentes desde o nascimento. Por este motivo, a sua presença não pode ser evitado. No entanto, se for detectada uma forma perigosa de AVM, os médicos podem ser capazes de repará-la antes que consequências graves ocorram.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível