Quais pessoas não devem tomar picolinato de zinco?

Escrito por dennis wilcox | Traduzido por weber figueiredo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais pessoas não devem tomar picolinato de zinco?
Saiba mais sobre os efeitos do zinco sob o organismo (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Uma infinidade de provas existem para apoiar o papel do zinco na manutenção de uma boa saúde, e tomar suplementos à base desse elemento facilita bastante. Apesar disso, sob certas condições, o excesso de zinco também pode acarretar consequências negativas.

Outras pessoas estão lendo

Toxicidade do zinco

Um relatório intitulado "Toxicidade de zinco", no site "American Journal of Clinical Nutrition", afirma que a alta ingestão de zinco pode criar efeitos colaterais tóxicos no organismo.

Efeitos colaterais

O mesmo relatório aponta que um efeito colateral do consumo excessivo de zinco é a deficiência de cobre, que leva à anemia. Além desse, ainda pode ocorrer perda da absorção do ferro, enfraquecimento do sistema imunológico e aumento do chamado colesterol "ruim".

Interações com medicamentos

Um relatório intitulado "Zinco", da universidade "University of Maryland Medical Center" adverte que o zinco pode reduzir a eficácia dos antibióticos.

Picolinato de zinco

O picolinato de zinco permite que o corpo absorva mais zinco rapidamente, quando comparado com outros suplementos à base deste mesmo elemento, de acordo com um relatório americano da "U.S. National Library of Medicine".

Advertência

Como ele aumenta a absorção de zinco, pessoas que estão tomando remédio, principalmente antibiótico, ou que tenham um sistema imunológico comprometido, colesterol anormal ou anemia, devem evitar de tomar o picolinato de zinco sem consultar antes um médico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível