Quais são os tratamentos para inchaço na próstata?

Escrito por jeannie knudson | Traduzido por ricardo schweitzer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os tratamentos para inchaço na próstata?
Consulte seu médico para encontrar o tratamento adequado para seu caso (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

De acordo com o National Institute of Health (Instituto Nacional da Saúde, em tradução livre) dos Estados Unidos, mais da metade dos homens irá passar por sintomas de inchaço da próstata antes de completar 60 anos. O risco de desenvolver o inchaço aumenta de acordo com a idade, e sintomas comuns são incontinência, inabilidade de esvaziar a bexiga completamente e urgência para urinar, acompanhada de dor. O tipo de tratamento para esses casos depende de qual o tamanho do inchaço na próstata e o risco de complicações.

Outras pessoas estão lendo

Medicações

Medicações podem ser prescritas em casos de problemas leves a moderados. Alfa bloqueadores são um grupo de remédios que causam o relaxamento dos músculos da próstata, e costumam aliviar os sintomas alguns dias depois do início do tratamento. Inibidores de hormônio como finasterida e dutasterida ajudam a encolher a próstata pela redução de níveis hormonais. Se a próstata está inflamada, um tratamento de antibióticos também pode ser prescrito.

Tratamentos com calor

Ablação por agulha transuretral e terapia de microondas transuretral são tratamentos que usam o calor para destruir parte de uma próstata inchada. Ambos os procedimentos são menos invasivos do que a cirurgia tradicional e podem ser feitos por fora do corpo do paciente. A ablação por agulha utiliza ondas de rádio para produzir calor, enquanto a terapia de microondas utiliza a transmissão de calor por microondas.

Cirurgia RTUP

A cirurgia pode ser recomendada para próstatas muito inchadas. Nesses casos o procedimento mais comum é a ressecção transuretral da próstata (RTUP). Esse procedimento é realizado em um hospital e envolve a remoção de partes da próstata com ferramentas especiais inseridas através da uretra. Os pacientes podem passar até três dias no hospital após a cirurgia, e alguns homens experienciam a redução da função sexual e problemas de incontinência por até um ano depois do procedimento.

Cirurgia aberta

Prostatectomia aberta é atualmente um procedimento pouco realizado em casos de próstata inchada, porém em casos em que a próstata está muito inchada ou danificando órgãos próximos, a cirurgia aberta pode ser necessária. Uma prostatectomia aberta pode envolver remoção parcial ou total da próstata. Cirurgia aberta ou RTUP possuem efeitos colaterais similares, mas eles podem ser acentuados e com maior duração nos casos de cirurgia aberta.

Cirurgia a laser

Cirurgia a laser é menos invasiva que RTUP e do que a cirurgia aberta, e pode exigir que o paciente fique no hospital. Em alguns casos esse procedimento pode ser feito por fora do corpo do paciente. Nas cirurgias a laser um pequeno aparelho com uma microcâmera acoplada é inserido pela uretra e um laser é focado em determinadas seções da próstata, vaporizando o tecido. O tempo de recuperação para esse procedimento normalmente é muito menor que em outras cirurgias.

Alterações no estilo de vida

Em caso de próstata inchada que demonstra poucos sintomas é recomendável esperar ao mesmo tempo que avalia os sintomas. Isso envolve monitorar mudanças na próstata e realizar mudanças no estilo de vida que podem aliviar os sintomas. Pessoas com próstata inchada devem evitar a ingestão de uma grande quantidade de líquidos em um curto período de tempo e limitar a ingestão de cafeína e bebidas alcoólicas. Ir ao banheiro assim que sentir vontade e incorporar atividades físicas na rotina também é extremamente recomendado. Um médico pode recomendar ao paciente que pare de consumir anti-histamínicos pois esse tipo de medicação pode agravar os sintomas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível