Quais são os tratamentos para pedra na bexiga de cães?

Escrito por jennifer gittins | Traduzido por ricardo schweitzer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os tratamentos para pedra na bexiga de cães?
Seu melhor amigo pode sofrer de pedras na bexiga. Saiba como curá-lo (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

A presença de pedras na bexiga é uma condição conhecida como urolitíase. As pedras em si são chamadas de cálculo urinário e podem se formar em qualquer ponto no trato urinário, incluindo bexiga, rins e uretra. Na maioria dos casos, as pedras na bexiga de seu cão serão removidas naturalmente, mas em algumas situações pode ser necessário tratamento veterinário adicional, e talvez até tratamento emergencial.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas de pedras na bexiga

Se suspeita que seu cão possui pedras na bexiga, você já deve ter percebido alguns destes sintomas. Os mais comuns incluem sangue na urina, capacidade de urinar apenas em pequenas quantidades ou necessidade de muito esforço. Seu cachorro também poderá demonstrar que está sentido dores leves ou fortes, ou então apresentar sinais de desconforto. Contudo, também existem casos em que, infelizmente, o cão não demonstra sintoma algum (Referência 1).

Dieta

Em alguns casos, o seu veterinário pode prescrever uma mudança na alimentação do cão, recomendando uma dieta especialmente formulada para a remoção de pedras na bexiga. Essas dietas podem levar até 150 dias para concluir a remoção e, durante esse tempo, níveis de proteína baixos trabalham para dissolver pedras. Essa é uma excelente alternativa caso não seja necessário realizar cirurgia ou usar outras formas de remoção das pedras em seu animal de estimação (Referências 1 e 2).

Medicações

No caso de pedras pequenas, algumas medicações podem ser utilizadas para dissolver as pedras antes que estas possam causar problemas maiores. Antibióticos podem ser prescritos para prevenir ou tratar infecções presentes nessa etapa, especialmente em casos em que exista a suspeita das pedras serem causadas por uma infecção do trato urinário (Referências 1 e 2).

Hidropropulsão

Esse procedimento, também conhecido como cateterização, envolve o uso de um cateter para remover as pedras do trato urinário do cão. Seu cachorro receberá anestesia e um cateter será inserido para que o veterinário coloque gentilmente uma solução salina dentro da bexiga. Depois do enchimento da bexiga, o veterinário irá aplicar uma leve pressão nela, forçando a saída da solução e das pedras do corpo de seu animal (Referências 1 e 2).

Cirurgia

A cirurgia pode ser necessária em uma situação emergencial ou se o seu veterinário descobrir pedras maiores durante um exame de rotina. No caso de cirurgia, o cão recebe anestesia, a bexiga é removida através de uma incisão no abdômen e aberta para a realização da remoção de urina e das pedras. Antes de retornar a bexiga ao cão, esta é limpada com uma solução salina para prevenir que partículas microscópicas presentes na bexiga possam criar novas pedras futuramente. A bexiga e o abdômen são suturados e o cão recebe um tratamento de antibióticos, normalmente retornando para casa no dia seguinte ao da cirurgia (Referências 1 e 2).

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível