Quais são os tratamentos para unha encravada e espigão?

Escrito por melinda dean | Traduzido por aline cortez
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais são os tratamentos para unha encravada e espigão?
Unha encravada

Unhas encravadas e espigões são comuns e muitas vezes dolorosos. Eles podem geralmente ser tratados em casa, mas uma infecção pode demandar atenção médica. Uma unha está encrava quando sua lateral ou canto cresce dentro da carne do dedo. Poder haver dor, vermelhidão, inchaço e infecção. Espigões não são unha. Eles são pequenos desprendimentos de pele que se separam da unha ou da cutícula.

Outras pessoas estão lendo

Remédios caseiros

Unhas encravadas nos pés ou nas mãos (o dedão do pé é o principal lugar de aparecimento de unha encravada) devem ficar de molho em uma solução de uma xícara de água morna com uma colher de sopa de sulfato de magnésio. Fazer isso por 10 a 15 minutos, três vezes ao dia, alivia a sensibilidade, reduz o inchaço e elimina a infecção. Pode-se também fazer uma suave massagem na carne perto do canto da unha para reduzir a inflamação. Após cada molho, coloque um pedaço de algodão sob a borda da unha encravada. Isso ajudará a unha a crescer acima da pele. Em seguida, aplique um antibiótico tópico. Seque delicadamente e faça um curativo. Para combater a dor, tome paracetamol, ibuprofeno, naproxeno ou cetoprofeno. É importante tratar as unhas encravadas o quanto antes. Se a dor persistir ou aumentar o pus ou a vermelhidão, procure um médico. Se a infecção durar muito tempo, ela pode atingir o osso próximo. Se existir alguma condição médica que coloque os pés em risco, como diabetes, dano no nervo ou má circulação sanguínea, é melhor consultar um médico de imediato em vez de tentar remédios caseiros. Espigões também devem ficar de molho em água morna e sulfato de magnésio (nas mesmas proporções e pelo mesmo tempo e número de vezes). Não os arranque. Você pode extrair tecido vivo, além de aumentar os riscos de infecção. Use um alicate de unha limpo para cortar o espigão num ângulo levemente inclinado para fora. Como no caso das unhas encravadas, se o problema não se resolver ou piorar, consulte um médico.

Tratamento médico

Um médico tratará das unhas encravadas, cortando e removendo a parte que cresceu internamente. A área geralmente é anestesiada primeiro com uma injeção local. O problema de unha encravada pode ser recorrente. Se esse for o caso, o médico pode indicar a remoção de uma parte dela e do leito ungueal - com laser, química ou outros métodos - para evitar que a parte problemática cresça de novo. Antibióticos podem ser prescritos. O tratamento médico para espigão consiste em drenar a área infectada e/ou tratar a infecção com antibióticos.

Quais são os tratamentos para unha encravada e espigão?
Espigão

Prevenção

É possível evitar unhas encravadas cortando as unhas em linha reta. Não as corte muito rentes. Lixe os cantos para eliminar pontas. Não use sapatos apertados no dedão. Evite também sapatos muito folgados, pois aumenta a pressão sobre os dedos dos pés quando se corre ou caminha rapidamente. Mantenha as unhas das mãos lixadas para evitar que encravem. Para prevenir espigões, use um hidratante nas mãos, dedos e cutículas. O ressecamento é muitas vezes a causa dos espigões. Além disso, use luvas de borracha ou plástico se for usar produtos químicos e de limpeza ou quando tiver que lidar com água por muito tempo. Evite tirar as cutículas. Como alternativa, empurre-as com uma espátula de unha ou toalha.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível