Quais vitaminas uma mulher jovem deve tomar?

Escrito por kay daniels | Traduzido por ana rodrigues
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quais vitaminas uma mulher jovem deve tomar?
As frutas são uma excelente fonte de vitaminas saudáveis ​​em sua dieta (vitamine image by Yvonne Bogdanski from Fotolia.com)

Se você ingerir uma dieta balanceada, pode não precisar tomar vitaminas, mas a realidade é que muitos de nós realmente não comemos de forma tão saudável como deveríamos. Como uma mulher jovem, você pode estar interessada em tomar certos suplementos vitamínicos para garantir que seu corpo tenha os nutrientes que necessita.

Outras pessoas estão lendo

Polivitamínicos

Um suplemento polivitamínico e mineral fornece ao seu corpo uma dose diária de nutrientes essenciais que podem estar faltando em sua dieta, especialmente se você não tem uma dieta perfeita, equilibrada em uma base regular. Procure uma marca de confiança que não exceda os subsídios diários recomendados de vitaminas e minerais incluídos. Se você decidir tomar um polivitamínico, pode não precisar se preocupar com a suplementação de nutrientes individuais além disso, a menos que o seu médico lhe aconselhe o contrário.

Ácido fólico

O órgão norte-americano Centers for Disease Control and Prevention, ou CDC, recomenda que todas as mulheres entre 18 e 45 anos de idade devem tomar algum tipo de ácido fólico, ou suplemento de folato. A razão para isso é que ter níveis adequados de folato no momento da concepção reduz o risco de um bebê sofrer de certos defeitos congênitos, e como cerca de dois terços das gestações não são planejadas, faz sentido simplesmente tomar ácido fólico por precaução se você for uma jovem mulher em idade fértil. Mesmo que bebês não estejam em seus planos a curto prazo, é inteligente adquirir o hábito agora. Note que o ácido fólico pode estar incluído em seu polivitamínico se estiver consumindo um; verifique o rótulo para descobrir. A ingestão diária recomendada para mulheres jovens é de 400 microgramas. Você não precisa tomar mais ácido fólico se seu multivitamínico já contém a quantidade recomendada.

Vitamina D

A exposição ao sol faz com que sua pele produza vitamina D, mas se você não está passando pelo menos 10 minutos por dia no sol, ou se vive em um clima nublado, também pode ser deficiente e querer considerar um suplemento. Como a vitamina D desempenha um papel na saúde óssea e na manutenção dos níveis de cálcio, mulheres jovens que têm níveis adequados de vitamina D podem ter um risco reduzido de desenvolver osteoporose mais tarde na vida.

Cálcio

O cálcio é um mineral importante no corpo, que compreende uma grande porção dos ossos e dentes. As mulheres que não consomem alimentos suficientemente ricos em cálcio podem ter um risco aumentado de osteoporose mais tarde na vida, como acontece com a deficiência de vitamina D. Por isso, se você não está consumindo leite ou outros alimentos ricos em cálcio, pode querer cogitar a ingestão de um suplemento. Tente consumir pelo menos 1.000 miligramas de cálcio por dia. Mulheres grávidas e lactantes precisam de cerca de 1.300 miligramas.

Ferro

Se você consome uma grande quantidade de carne vermelha, ou se o ferro já está incluído no seu suplemento multivitamínico, provavelmente não precisa de um suplemento de ferro extra, mas as mulheres têm um risco mais elevado do que os homens de desenvolver anemia por deficiência leve de ferro, devido à perda de sangue durante o ciclo menstrual mensal. Pergunte ao seu médico se você deve considerar tomar ferro extra, especialmente se tiver períodos menstruais intensos ​​ou se acha que tem sintomas de anemia. Além disso, se você for vegetariana, tem maior risco de anemia, e provavelmente deve tomar um suplemento.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível