×
Loading ...

Quatro classes de macromoléculas importantes para os seres vivos

Atualizado em 17 abril, 2017

As macromoléculas são moléculas muito grandes que são compostas por um número de átomos e estruturas moleculares menores. Existem vários tipos diferentes de macromoléculas, muitos dos quais são muito úteis e importantes para a vida. Plásticos, borrachas e diamantes são formados por elas. Quatro classes de macromoléculas, as compostas por biopolímeros, são fundamentalmente importantes para os seres vivos e a biologia em geral.

O DNA, o código genético biológico, é uma macromolécula importante para os seres vivos (Comstock/Comstock/Getty Images)

Proteínas

As proteínas, como todas as macromoléculas, são compostas por unidades menores que se combinam para formar uma molécula maior. Os aminoácidos, que são menores e mais simples, se conectam de ponta a ponta para formar as proteínas. Por existirem 20 aminoácidos diferentes que todas as vidas utilizam e necessitam, e existir um número de possíveis combinações, um grande número dessas macromoléculas pode ser formado. Cada proteína tem a sua própria função, variando entre combater antígenos no sangue, regular o metabolismo e digerir partículas de alimentos. Elas estão envolvidas na maioria dos processos da vida.

Loading...

Ácidos nucleicos

O DNA e o RNA são ácidos nucleicos, macromoléculas que contêm e descrevem o código genético. Eles funcionam como um manual de instruções detalhado para o desenvolvimento do corpo e o funcionamento de cada célula. Os ácidos nucleicos são compostos por dois açúcares de 2-desoxirribose, um grupo de fosfatos e uma das quatro moléculas base. Diferentes combinações das quatro moléculas base ao longo da cadeia do DNA codificam certos aminoácidos que, eventualmente, se conectam para formar as proteínas. Enquanto o DNA contém a informação genética para a vida pura, o RNA passa mensagens entre o DNA e a célula.

Carboidratos

Os carboidratos são as macromoléculas encontradas na maioria dos alimentos, que fornecem energia para os músculos, sistema nervoso central e o corpo em geral. Eles são polímeros de água e carbono, e é constituído de carbono, hidrogênio e oxigênio. O corpo quebra os carboidratos em seus componentes de base, que são utilizados para abastecer as células e manter os processos do corpo. As plantas utilizam essas macromoléculas particularmente para a celulose, para proteger suas células e crescer. Existem muitos tipos de carboidratos, incluindo açúcares e amidos.

Lipídios

Enquanto os carboidratos fornecem energia imediata para o corpo, os lipídios são a classe das macromoléculas que fornecem um armazenamento de energia a longo prazo. Eles são mais conhecidos como gorduras e aparecem na maioria dos alimentos. Existem dezenas de lipídios, muitos dos quais são importantes para os seres vivos. Essas macromoléculas formam as membranas protetoras ao redor das células e fornecem vitaminas essenciais, entre outras funções. Eles são armazenados pelo corpo na forma de reservas de gorduras, mas elas se esgotam com o passar do tempo, a medida que as células utilizam a energia armazenada.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...