Quatro tipos de responsabilidades sociais corporativas

Escrito por wendel clark | Traduzido por juliana soares
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Quatro tipos de responsabilidades sociais corporativas
Como lidar com as responsabilidades sociais nas empresas (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Com as grandes empresas dominando a economia mundial, começam a surgir perguntas sobre a importância da responsabilidade social corporativa nos negócios. Uma variedade de tipos dessas responsabilidades aparecem em discussões públicas e é importante entender sobre elas.

Outras pessoas estão lendo

Responsabilidade ambiental

As pessoas esperam que as empresas demonstrem um comportamento ambiental responsável, como mostra a pesquisa da "PricewaterhouseCoopers", que descobriu que o maior problema das empresas no futuro, de acordo com os correspondentes dos Estados Unidos, será a redução das emissões de carbono. Alguns problemas ambientais específicos que podem afetar os negócios são o aquecimento global, os recursos sustentáveis e a poluição. As empresas estão sendo pressionadas pelos grupos ambientais e pelo governo para reduzirem a emissão de carbono, obterem suas matérias-primas de fontes sustentáveis e diminuírem a poluição.

Responsabilidade com os direitos humanos

O mercado do século XXI é altamente global. Isso significa que quando um produto é comprado na Europa, por exemplo, ele pode ter sido produzido na China, ou ter componentes da América do Sul. O problema ético para as empresas é certificar-se de que os direitos humanos foram respeitados em todos os níveis da cadeia de suprimentos. Algumas importantes empresas receberam críticas pela exploração da mão-de-obra e por utilizar o trabalho de funcionários que são muito mal tratados. Isso levou a uma pressão pelo uso de padrões rígidos de trabalho para serem aplicados aos fornecedores, e uma demanda por produtos ligados a um comércio justo, como o chocolate e o café.

Responsabilidade financeira

A responsabilidade financeira é um item importante para a responsabilidade social corporativa. Na sequência da fraude contábil praticada por Enron e Arthur Andersen e do esquema "Ponzi", orquestrado pelos seguidores de Bernie Madoff, as empresas têm sido questionadas por acionistas céticos e oficiais do governo sobre a exatidão de seus relatórios financeiros. Os funcionários devem agir como denunciantes nessas situações, e o crime do colarinho branco tem sido o alvo de processos importantes como o da Martha Stewart contra o antigo CEO da Worldcom, Bernie Ebbers.

Responsabilidade política

Negociar com regimes repressivos é uma situação difícil para a responsabilidade social corporativa. Alguns empresários dizem que, trabalhando com esses regimes, conseguirão ajudar em seu desenvolvimento, trazendo até novos direitos ao país. As pessoas e os governos têm pedido que as empresas parem de comercializar com os países que têm regimes repressivos, como foi notavelmente percebido quando vários governos ocidentais criaram um embargo contra o Apartheid do governo da África do Sul durante os anos da década de 80. A Shell Oil recebeu uma resposta negativa dos consumidores durante a década de 90 por seu envolvimento como cúmplice do governo nigeriano que assassinou ativistas que eram contra o petróleo. Esses problemas fazem com que o fato de manter negócios com certos governos seja um ponto a se considerar para a responsabilidade social corporativa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível