O que faz um queijo mofar?

Escrito por melissa lewis | Traduzido por mariana silva gray
O que faz um queijo mofar?
Saiba a verdade sobre o mofo em queijos (Ryan McVay/Photodisc/Getty Images)

Existem muitas teorias sobre os queijos, incluindo a de que todos eles são feitos a partir do mofo e que o bolor presente no queijo é sempre seguro para ser consumido. Em contrapartida, algumas pessoas acreditam que deve-se descartar o queijo assim que o primeiro sinal de mofo for detectado. Com tantas teorias, pode ser difícil distinguir a verdade sobre queijos e mofo.

Variedades de queijo

Existem muitas variedades de queijos, desde os secos como o parmesão até queijos úmidos como o cheddar ou a muçarela. Alguns tipos de queijo são mais suscetíveis ao mofo do que outros mas, em geral, quanto mais úmido e macio, mais rápido o mofo aparecerá.

Mofo

O mofo é um fungo. Fungos gostam de comer e um dos alimentos preferidos deles é o queijo. O queijo contém proteína, gordura, vitaminas e minerais, que é o que o mofo precisa para prosperar. Ele começa como um organismo microscópico que já estava provavelmente presente em seu queijo. Em um ambiente úmido e arejado, ele começa a comer e fica maior, sendo visível a olho nu.

O mofo e o queijo

Alguns queijos são realmente feitos a partir do mofo e podem ser consumidos seguramente. Exemplos incluem o queijo azul, o brie e o camembert. Esses mofos são obviamente seguros para o consumo a não ser que você esteja grávida ou amamentando, casos em que se deve evitá-los. O mofo que se forma em outros tipos de queijo pode ser seguro para o consumo; no entanto, isso pode também ser uma bactéria perigosa como a listeria ou a salmonela, então é recomendado não consumi-lo nessas condições.

Corte fora

Com queijos duros, como o cheddar e o suíço, normalmente não há problema em cortar as partes mofadas do alimento, porém não deixe a faca encostar nessa área. Corte a parte mofada do queijo e um pouco mais além, só para garantir. Não tente salvar queijos macios que são fabricados com o mofo, como o brie ou o queijo azul, se notar que o mofo não é parte do processo de fabricação original. As veias desse novo mofo podem ter contaminado o pedaço inteiro de queijo. Além disso, não é possível salvar outros queijos macios como o cream cheese ou o cottage, ou queijos que são ralados, fatiados ou esfarelados. Jogue-os fora.

Prevenção

Uma maneira de evitar o crescimento de mofo em seu queijo (e em outros alimentos) é manter a geladeira limpa. A cada dois meses, use uma colher de chá de bicarbonato de sódio misturado com um litro de água para limpar o refrigerador. Use três colheres de chá de alvejante misturados com um litro de água para limpar áreas com mofo na geladeira.

Além disso, limite a exposição do queijo fora da geladeira onde esporos de mofo podem contaminá-lo. Qualquer faca, balcão ou tábua que encostar no alimento devem estar limpos. Também deixe o queijo bem selado em um recipiente, com a menor quantidade possível de ar dentro do local. Embrulhe o queijo duas vezes, mesmo se ele vier em uma embalagem com fechamento, colocando-o dentro de outra sacola.