Razões para um bebê aprender a andar tarde

Escrito por michelle johnson | Traduzido por mário candi tsuge
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Razões para um bebê aprender a andar tarde
Dê algum tempo que seu bebê estará andando em breve para todos os lugares (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Um marco que os pais sempre esperam com ansiedade são os primeiros passos do seu bebê. A maioria das crianças geralmente começa a andar entre 9 e 18 meses, outras só andam depois de um ano. Se a criança se aproxima desse limite e ainda não mostra sinais de que começará a andar, os pais muitas vezes começam a se preocupar. No entanto, os bebês podem andar mais tarde do que outros por muitas razões, e somente ocasionalmente isso indica um possível problema.

Outras pessoas estão lendo

Personalidade

Alguns bebês começam a andar mais tarde por causa de seu temperamento. Eles podem sentir-se contentes trabalhando suas habilidades verbais ou desfrutando de atividades que possam fazer enquanto sentados. Os que começam a andar mais tarde geralmente desenvolvem todas as habilidades motoras em um ritmo mais lento, e esse atraso é apenas uma extensão da capacidade de terem aprendido a engatinhar ou ficar de pé tarde. Às vezes, essas crianças podem andar bem se estão segurando a mão de alguém, mas não se sentem prontas para ficarem sozinhas sem a garantia do apoio do pai ou da mãe.

Sem oportunidade

Em alguns casos, os bebês começam a andar tarde porque não tiveram a oportunidade de aprender. Os pais ou familiares que sempre lhe entregam os brinquedos ou alimentos no instante em que ela quer fazem com que sua motivação de fazer as coisas sozinha diminua. Se uma criança passa muito tempo no banco do carro ou é carregada para todo o lado, também não terá muitas oportunidades de praticar suas habilidades de andar.

Problemas físicos

Mesmo que a maioria dos bebês que aprendem a andar tarde esteja simplesmente na extremidade lenta do normal, eles podem demorar por causa de algum problema físico. Algumas crianças normais podem andar mais devagar por terem um tônus muscular ligeiramente baixo que torna difícil para elas se equilibrarem. Passar muito tempo em exercitadores de bebê também pode impedir que os músculos necessários para andar desenvolvam-se corretamente. Os bebês que gastam uma grande parte do tempo em exercitadores podem curvar as costas incorretamente e ter músculos abdominais fracos, o que torna difícil para eles equilibrarem-se e ficarem de pé sozinhos.

Problemas de desenvolvimento

Certos transtornos de desenvolvimento também podem retardar os primeiros passos de um bebê. As crianças com síndrome de Down ou a doença de Tay-Sachs, um distúrbio genético que lentamente destrói o sistema nervoso central, têm músculos fracos que podem atrasar ou até mesmo impedi-los de andar. A paralisia cerebral resulta em um tônus muscular muito alto, tornando difícil para a criança se equilibrar, pois seus membros são muito rígidos. As que têm dificuldades de aprendizagem também podem ficar atrasadas em todas as áreas, incluindo as habilidades motoras para andar.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível