Como realizar o teste cutâneo para tuberculose e aplicar a vacina tríplice viral ?

Escrito por contributing writer | Traduzido por ricardo torres iupi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como realizar o teste cutâneo para tuberculose e aplicar a vacina tríplice viral ?
Teste dérmico (vaccine image by Mykola Velychko from Fotolia.com)

O teste cutâneo para tuberculose (TB) e a vacina contra sarampo, caxumba e rubéola (tríplice viral) são dois procedimentos comuns, que a maioria dos profissionais de saúde devem saber realizar. O teste da tuberculose consiste em uma injeção intradérmica, de um derivado proteico purificado (PPD) de TB, numa tentativa de desencadear resposta imune. Uma resposta imunológica indica uma exposição à TB. A vacina tríplice viral é, simplesmente, uma injeção subcutânea (na gordura sob a pele) de três agentes virais atenuados (enfraquecidos) para imunizar um indivíduo contra os referidos vírus.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Seringa de 1ml com tuberculina
  • Seringa de 3 ml
  • Agulha de 5/8 polegada, calibre 27
  • Agulha de 1 polegada, calibre 25
  • Frasco com PPD
  • Frasco de vacina tríplice viral
  • Quatro almofadas de álcool para assepsia
  • 2 compressas de gaze

Lista completaMinimizar

Instruções

    A vacina tríplice viral

  1. 1

    Junte a tríplice viral, a seringa de 3 ml, a agulha de calibre 25, duas almofadas de álcool e uma compressa de gaze. Retire a agulha e a seringa das embalagens e encaixe as duas pressionando firmemente ou torcendo o cubo da agulha na direção do topo da seringa. Limpe a parte superior de borracha da vacina com uma almofada com álcool e deixe secar. Puxe para trás o êmbolo da seringa até 0,5 ml e enfie a agulha na parte de borracha do frasco de vacina. Injete 0,5 ml de ar para dentro do frasco, evitando assim a pressão negativa ao retirar a vacina. Vire o frasco de cabeça para baixo e sugue 0,5 ml de vacina.

  2. 2

    Prepare o local de injeção delicadamente, fazendo a limpeza com uma almofada de álcool. O local de injeção preferido para a tríplice viral é a parte posterior do braço, entre o cotovelo e o ombro. Nunca toque no local da injeção após ter sido limpo, senão há risco de contaminação e infecção.

  3. 3

    Com seus dedos apontando para o cotovelo, segure a pele no local da injeção com o dedo indicador e o polegar, separados por cinco centímetros de distância. Delicadamente, puxe a pele na direção do ombro para criar uma pequena tensão e levante-a para fora do músculo. Segure a injeção em um ângulo de 45 graus com a pele, com o bisel virado para cima, e, rapidamente, enfie a agulha, entre os dedos. Solte a pele e use essa mão para puxar o êmbolo delicadamente. Se sangue for puxado para dentro da seringa, interrompa o processo e tente de novo. Porém, se o sangue não estiver presente, empurre o êmbolo para injetar a vacina.

  4. 4

    Retire a agulha da pele e fixe uma gaze de 5 por 5 centímetros no local da injeção, para evitar qualquer tipo de sangramento. Elimine a agulha em um recipiente apropriado. Não tente voltar a tapar a agulha.

    O teste para tuberculose

  1. 1

    Junte PPD, a seringa de tuberculina, a agulha de calibre 27, duas almofadas de álcool e uma compressa de gaze. Desembrulhe e monte a agulha na seringa. Limpe a parte superior de borracha do frasco de PPD com uma almofada de álcool e deixe secar. Puxe para trás o êmbolo da seringa para 0,1 ml e perfure a parte de borracha do frasco. Injete 0,1 ml de ar dentro do frasco para evitar a pressão negativa e, em seguida, vire-o de cabeça para baixo e retire 0,1 ml de PPD.

  2. 2

    Limpe uma área de cerca de 5 centímetros de diâmetro na porção anterior do antebraço com álcool. Este será o local de injeção. Nunca toque no local da injeção após ter sido limpo, senão há o risco de contaminação e infecção.

  3. 3

    Puxe firmemente a pele com o polegar um pouco abaixo do local da injeção. Segure a seringa em um ângulo de 10 a 15 graus, com o bisel da agulha voltado para cima. Suavemente, insira a agulha na pele até que o bisel esteja coberto. A agulha deve estar superficial o suficiente para vê-la sob a pele. Injete lentamente 0,1 ml de DPP. Uma bolha deve se formar no local do teste. Isto é chamado de pápula e deve medir cerca de 10 mm de diâmetro. Se essa forma não aparecer, a injeção deverá ser repetida.

  4. 4

    Retire a agulha da pele e limpe qualquer sangue com uma compressa, porém deixe o local descoberto. Elimine a agulha em um recipiente apropriado. Não tente voltar a tapar a agulha. Peça para a pessoa testada retornar em um intervalo de 48 a 72 horas, para que o teste seja interpretado. O teste deve ser visualizado nessas 24 horas.

  5. 5

    Interprete o teste inspecionando o local, buscando um endurecimento com o dedo. Um endurecimento é uma pequena marca endurecida, que será fácil de sentir. A ausência dessa área é um resultado negativo. Se um endurecimento está presente, marque suas bordas de lados opostos com uma caneta, de forma exata. Vermelhidão ou hematomas não devem ser marcados. Meça o espaço entre as marcas de caneta em milímetros e registre o resultado. Dependendo do fator de risco da pessoa e do tamanho da área dura, isso pode indicar um teste positivo.

Dicas & Advertências

  • Um teste dérmico para tuberculose com resultado positivo não significa que essa pessoa tenha TB. Ele apenas indica que houve uma exposição anterior ao agente causador da doença.
  • Uma porcentagem muito pequena da população não vai tornar-se imune após a vacinação com a tríplice viral. Menos de 5 por cento das pessoas terão que receber uma segunda vacina.
  • Embora seja extremamente raro, essas injeções são conhecidas por causar reações alérgicas. A pessoa a ser vacinada ou testada deve, teoricamente, ser monitorada quanto a uma reação durante 10 a 15 minutos após a injeção.
  • As injeções são um procedimento invasivo e, por isso, equipamentos de proteção individual devem ser utilizados para evitar a exposição a patógenos presentes no sangue.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível