Sobre a recessão gengival

Escrito por elizabeth jean | Traduzido por contributing writer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sobre a recessão gengival
Sempre cuide de sua saúde bucal (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A recessão gengival resulta na exposição das raízes dos dentes devido à perda de tecido gengival e isto não acontece da noite para o dia. Como muitas vezes existem sinais precoces que indicam o recuamento das gengivas, uma higiene oral apropriada pode prevenir esta condição. Se já é tarde para a prevenção, não se desespere, há tratamentos disponíveis para reparar o problema.

Outras pessoas estão lendo

Identificação

A recessão das gengivas pode ser reconhecida em casa. É possível reparar que os espaços entre seus dentes ficaram maiores e seus dentes podem parecer mais compridos. Frequentemente, o recuamento gengival é resultado de uma gengivite, ou inflamação das gengivas. Isso quase sempre resulta em sangramento. Verifique ou mergulhe sua escova de dentes em água depois da escovação para ver se ela está com alguma coloração rosa ou vermelha. Se suas gengivas sangram constantemente ao passar fio dental, isso também é um sinal de doença nas gengivas. Verifique se elas estão vermelhas, inchadas e se há mau hálito. A sensibilidade dentária também é frequentemente um sinal de recessão das gengivas. Por último, se você sente seus dentes soltos, esse é outro sinal crítico de que suas gengivas estão recuando.

Função

As causas da recessão gengival podem ser identificadas por várias fontes. O problema é geralmente resultado de alguma doença subjacente, tal como a periodontite ou a gengivite. Primeiro, escovar os dentes pode retirar o esmalte da linha da gengiva resultando na sua perda. Segundo, não passar fio dental ou passar de forma inadequada pode causar o problema devido à acumulação de bactérias entre os dentes, podendo eventualmente se infiltrarem até a osso. Terceiro, a periodontite, inflamação dos tecidos em volta dos dentes, pode ser a causa da recessão das gengivas. Quarto, o uso crônico de rapé entre os lábios e os dentes tem sido conhecido como causa das gengivas recuadas, assim como a ato de fumar. Quinto, as jóias orais têm sido recentemente relacionadas com as gengivas recuadas. Sexto, os dentes desalinhados também podem causar problemas dentais. Por último, as gengivas recuadas podem ser resultado do desgaste dos dentes.

Aviso

A recessão gengival não tratada pode ter numerosas consequências desfavoráveis. Ao longo do tempo, com a estagnação de bactérias nos dentes, entre eles e na linha das gengivas, se formarão bolsas. Com o crescimento dessas bolsas, os dentes vão se soltando e podem eventualmente cair. Recentes provas médicas sugeriram que a gengivite está associada à saúde do coração. A gengivite não tratada tem impacto na pressão arterial, colesterol e doenças coronárias.

Prevenção e solução

Para controlar sua recessão gengival, comece por usar uma escova de dentes macia e escove os dentes depois das refeições e antes de deitar. É imperativo que as pessoas com gengivas recuadas utilizem fio dental com regularidade. Consulte o dentista no mínimo duas vezes por ano, eles recomendam uma limpeza mais frequente para pacientes com gengivite, com uma regularidade trimestral. Se seus dentes estão sensíveis devido à exposição da raiz por suas gengivas estarem recuadas, seu dentista pode aplicar um agente dessensibilizador dos dentes. Se sua recessão gengival foi causada pelo desgaste dos dentes, seu dentista lhe recomendará um protetor noturno. Se os culpados forem os dentes ou coroas desalinhados, ele irá sugerir a reparação de sua estrutura dentária. Para os casos mais sérios de recessão das gengivas, o paciente será encaminhado para um periodontista, que poderá aplicar enxertos cirurgicamente para cobrir as raízes expostas.

Opinião do especialista

Na maioria dos casos, a recessão das gengivas pode ser controlada com uma boa higiene oral caseira. Escovar e passar fio dental adequadamente pode prevenir o recuamento das gengivas. Se você fuma, deixe de fumar. Se você usa jóias orais, retire-as.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível