on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Como reconstruir sua vida após um divórcio

Atualizado em 18 março, 2017

Poucas pessoas se casam pensando que podem um dia ter que enfrentar o divórcio. Para algumas, um divórcio pode pegá-las de surpresa quando um cônjuge de repente diz que é hora de se separar. Passar pelo processo de divórcio, queira você ou não, pode ser emocionalmente devastador. Pode ser difícil reunir os pedaços e seguir em frente com sua nova vida, especialmente se você ainda sonha com a visão de estar junto de seu cônjuge e talvez de seus filhos pelo resto da vida.

Instruções

Um divórcio frequentemente deixa os dois lados despedaçados (Jeffrey Hamilton/Digital Vision/Getty Images)

    Como se recuperar do divórcio

  1. Procure aconselhamento durante e depois do processo de divórcio. É possível que você tenha que passar por um período de luto parecido ao da morte de alguém querido, o que é completamente normal. Sem ajuda, pode ser que você se sinta paralisado, deprimido e incapaz de seguir em frente com sua vida.

    Loading...
  2. Permita a si mesmo sentir a dor. Ainda que você não sinta a perda de seu ex em particular, provavelmente você sente a perda da vida que pensou que teria. Está tudo bem em chorar e expressar sua dor. Algumas pessoas levam mais tempo para se recuperar de um divórcio que outras. Siga seus sentimentos e dê a si mesmo tempo para se curar.

  3. Mantenha o foco em si e em seus filhos, se você tiver. Alguns casais divorciados iniciam um novo relacionamento apressadamente e terminam repetindo um ciclo desastroso várias e várias vezes. Foque no que você quer fazer e em ajudar seus filhos através dessa época difícil. Se você cuidar bem de si mesmo, o resto de sua vida vai se organizar. Cuide da sua saúde. Fale com seu médico ou profissional de saúde mental sobre o estresse e a ansiedade que você possa estar vivendo.

  4. Ponha o passado para trás. Se você quiser se manter apegado a lembranças para o bem de seus filhos, tudo bem. Ao invés de deixar o álbum de casamento onde você possa ver, ponha fotos e outras lembranças em caixas, e coloque-as no porão ou sótão. Dê alguns itens de seus filhos para instituições de caridade. Lembranças visíveis e constantes podem trazer de volta a dor. Encontre novas fotos que lhe façam sorrir.

  5. Estabeleça regras de convivência com seu ex. Pode ser difícil seguir em frente se vocês se falam todos os dias. Limite o contato apenas para assuntos que envolvam as crianças. Se vocês não têm filhos, corte todo o contato, ao menos até que você se recupere. Se ajudar, diga ao outro como você se sente por telefone, mensagem de voz, carta ou e-mail. Pode até ajudar escrever uma carta, mas não envie.

  6. Procure o apoio de familiares e amigos. Pode ser que eles não saibam exatamente pelo que você está passando, mas amam você e querem ajudar. Passe algum tempo com eles, converse e deixe-os ajudarem conforme for possível. Às vezes, tudo o que você precisa é de um ombro amigo para chorar e de um bom ouvinte. Peça ajuda e conselhos ao seu pastor, ministro ou clérigo. Várias congregações têm aulas e grupos para membros divorciados e que tenham perdido o cônjuge de maneira súbita.

  7. Comece um novo passatempo pelo qual você sempre se interessou. Isso lhe ajudará a manter-se ocupado e a desviará sua atenção do que você está passando. Reinvente-se. Faça o que te faz feliz, especialmente se for algo que seu antigo cônjuge restringia.

  8. Reserve tempo para sair e aproveitar a vida. Visite locais que você ama. Saia com amigos. Quanto mais você se ocupar, menos pensará em seu divórcio. Eventualmente, sua nova vida se tornará normal.

  9. Comece a paquerar de novo quando você se sentir confortável para fazer isso. Você não precisa procurar por um relacionamento sério se não se sentir pronto. Seja honesto com as pessoas e saia apenas para se divertir. Para alguns, isso pode ser bem terapêutico. Entretanto, se você ainda não estiver pronto para namorar, nunca mais quiser namorar ou apenas estiver desconfortável com a ideia, não se force. Seja paciente e quando a hora certa chegar, você saberá. Sua paquera está interessada em você — não em uma história triste sobre seu divórcio. Resuma sua história brevemente, explicando quando você se divorciou, falando sobre seus filhos e sobre o que existe à frente. "Viva sua vida pelo para-brisas, e não pelo retrovisor!"

Loading...

Dicas

  • Lembre-se de que não existe certo ou errado após o divórcio. Cada pessoa é diferente e o tempo de recuperação varia muito.

Aviso

  • É importante seguir seus sentimentos e se permitir sentir dor.
  • Não se deixe consumir pela tristeza. Se você se sente assim, procure ajuda.

Referências

Loading ...
Loading ...