O refluxo ácido pode causar palpitações cardíacas?

Escrito por frieda cramer | Traduzido por josciel sousa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O refluxo ácido pode causar palpitações cardíacas?
Uma dor torácica pode ser causada tanto por refluxo ácido quanto por um problema cardíaco (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

DRGE está em ascenção

O refluxo ácido (geralmente chamado de refluxo gastroesofágico ou "DRGE") está em ascensão nos Estados Unidos. Os países industrializados têm mais do triplo da incidência de DRGE do que os países em desenvolvimento, de acordo com o instituto de estatísticas da UNESCO. A DRGE é diagnosticada em indivíduos que experimentam azia persistente ou refluxo ácido. A maioria das crianças e alguns adultos têm sintomas que não envolvem a azia. Alguns desses sintomas incluem dificuldade de deglutição, sintomas de asma ou uma tosse seca.

Os cientistas não têm certeza do que causa a DRGE. Eles sabem que algumas vezes uma hérnia no diafragma pode contribuir para a condição. Certos alimentos e condições físicas também podem ser fatores de risco no desenvolvimento da DRGE. Tais condições incluem obesidade e gestação; o tabagismo e uso de roupas apertadas devem ser evitadas. Os alimentos a serem evitados (particularmente antes de dormir) incluem aqueles contendo cafeína, chocolate, ácido cítrico, tomates ou molhos de pimenta, alho e cebolas, frituras, gorduras e álcool.

Além das alterações de estilo de vida, as companhias farmacêuticas desenvolveram medicamentos potentes para combater a DRGE. Os antiácidos são usados mais comumente e podem ser obtidos sem uma prescrição. Outras drogas são substâncias espumantes, bloqueadores de H2, inibidores de bombas de próton e procinéticos. Cada um desses oferece alívio substancial, apesar dos efeitos colaterais dos procinéticos, como fadiga, depressão e ansiedade, podem limitar sua utilidade.

A conexão entre DRGE e palpitações cardíacas

Existe um debate público crescente sobre se o refluxo ácido pode causar palpitações cardíacas. Um estudo japonês revisado publicado no World Journal of Gastroenterology (WJG) em 14 de Abril de 2009 sugeriu que uma condição fora do esôfago poderia causar DRGE ou produzir sintomas semelhantes aos da DRGE. O estudo examinou a angina associada à DRGE e sugeriu que os pacientes com DRGE possivelmente possuem doença cardíaca.

Devido aos nervos na cavidade torácica serem intimamente conectados através do coração, esôfago e diafragma, pode ser difícil detectar de onde a dor torácica se origina durante um episódio. Os resultados desse estudo são um alerta para os pacientes e médicos para que examinem cuidadosamente cada episódio de dor torácica e não assumam que um paciente com DRGE esteja simplesmente experimentando um evento forte de refluxo ácido.

Dor torácica, rubor, hipertensão e frequência cardíaca rápida (taquicardia) são todos efeitos colaterais conhecidos de alguns dos medicamentos amplamente prescritos para DRGE. Apesar dos resultados das pesquisas com Nexium afirmarem que esses efeitos colaterais aparecem em apenas 1 por cento da população, como 40 por cento da população dos Estados Unidos sofre com DRGE durante algum período, o número de pacientes que podem sofrer esses efeitos colaterais é considerável. Acredita-se que o rápido aumento da obesidade na população dos Estados Unidos seja um grande contribuidor para o aumento dos portadores de DRGE.

Auto-cuidado

A associação entre palpitações cardíacas e refluxo ácido pode ser uma hipótese como "a galinha ou o ovo". Os problemas de saúde como obesidade, falta de dieta e exercícios adequados e excesso de consumo de cafeína, álcool e tabaco induzem sintomas cruzados que afetam tanto o coração como o esôfago. Outro artigo da WJG publicado em 15 de outubro de 2009 conclui que os medicamentos usados para tratar DRGE também causam ganho de peso.

Se você estiver sentindo dor torácica, palpitações, náusea, sudorese e calafrios, ligue para seu médico ou para a emergência imediatamente. Após você ser diagnosticado, faça as alterações de estilo de vida indicadas por seu médico. Pode não ser fácil, pois você estará indo contra a corrente, mas após você encontrar alívio de seus sintomas, provavelmente achará que valeu o esforço.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível