Relação entre anatomia e fisiologia

Escrito por denise m. covert, r.n. | Traduzido por felipe fogolin
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Anatomia e fisiologia são as ciências que mais se relacionam mais o corpo humano, permitindo-nos entender nós mesmos e porque nossos corpos funcionam do jeito que funcionam. Anatomia é o estudo da forma do corpo humano - as formas dos músculos, o número de ossos, as células que sustentam a vida. Fisiologia é o estudo da função destas partes, como o jeito que os músculos do seu rosto trabalham juntos para fazer um sorriso, ou como partes da célula transformam açúcar em energia. Uma vez que a "forma" segue a "função", as duas ciências estão interligadas e são frequentemente estudadas juntas.

Outras pessoas estão lendo

Anatomia

Os dois subconjuntos do estudo de anatomia são a anatomia pura, significando o que pode ser visto por olho nu, e histologia, o estudo de tecidos, também chamada anatomia microscópica. Além de ver o corpo inteiro ou através de dissecação, existem três outras maneiras de examinar a anatomia pura: palpação, ou toque (como sentir linfonodos inchados); auscultação, ou audição (como um médico pode ouvir os pulmões usando um estetoscópio); e percussão, ou batidinhas (como bater no joelho para checar reflexos). Técnicas de imagem como raios-x ou RM (ressonância magnética) também podem ajudar em exames anatômicos.

Fisiologia

Fisiologia é o estudo de como as partes da anatomia funcionam juntas para criar e sustentar a vida. Existem várias subdisciplinas da fisiologia, como a neurofisiologia (fisiologia do sistema nervoso), endocrinologia (fisiologia dos hormônios) e patofisiologia (como as doenças funcionam). Alguns aspectos da fisiologia podem ser observados e testados no corpo humano, mas quando isso não é possível, estudos de outras espécies emprestam informações sobre o corpo. Isso é chamado fisiologia comparativa, e é a base para novos remédios e procedimentos que devem ser primeiro testados em animais antes de serem considerados seguros para humanos.

Aplicações

Anatomia e fisiologia são aulas necessárias para diplomas de medicina e de enfermagem. Elas também são necessários ou úteis em campos de saúde como fisioterapia, quiropraxia e medicina veterinária. Na maior parte das escolas, é uma matéria dividida em dois semestres, e tipicamente inclui memorizar cada osso, músculo, junta e vaso sanguíneo majoritário no corpo.

Hierarquia

Parte do estudo da anatomia e fisiologia envolve a hierarquia de complexidade. Isso mostra como um ser humano pode ser dividido em níveis de complexidade cada vez menores. A pessoa inteira é um organismo. O organismo em si é composto por sistemas de órgãos, como o sistema respiratório ou o sistema digestivo. Sistemas são compostos por órgãos -- por exemplo, três órgãos do sistema digestivo são o estômago, intestino delgado e intestino grosso. Órgãos são compostos por tecidos. Por exemplo, a pele (que é um órgão do sistema tegumentar) contém tecidos epitelial, conjuntivo e nervoso. Tecidos são compostos por diferentes tipos e tamanhos de células, que por sua vez contém organelas que são responsáveis por várias funções dentro das células. Organelas são compostas por moléculas como proteínas e DNA, que são compostas por átomos, a menor partícula com identidade química única.

Processos vitais

Anatomia e fisiologia são o estudo de organismos vivos. Organismos que estão vivos têm várias propriedades. Essas propriedades frequentemente formam a base de estudo anatômico e fisiológico. Algumas dessas propriedades são: organização, metabolismo e excreção; movimento e resposta a estímulo; desenvolvimento (por diferenciação ou crescimento); reprodução; e homeostase, ou a habilidade do organismo em manter a estabilidade interna.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível