Remédios de ervas para doença periodontal

Escrito por tracii hanes | Traduzido por ricardo castiglioni
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

A doença periodontal é uma forma de doença gengival em que as bactérias fazem com que as gengivas se afastem dos dentes. Em estágios avançados, ela pode causar deterioração das estruturas ósseas que seguram os dentes no lugar, causando perda de dentes e outros danos irreversíveis. Quando usadas em conjunto com hábitos de boa higiene oral, as ervas com propriedades antibacterianas e estimulantes imunológicas podem ajudar a combater a bactéria que causa a doença periodontal.

Outras pessoas estão lendo

Ervas estimulantes imunológicas

Como uma função imune adequada é necessária para evitar o crescimento bacteriano, as ervas que estimulam o sistema imunológico podem ser benéficas no controle da doença periodontal.

A equinácea está entre as ervas mais populares para impulsionar a função imune. De acordo com especialistas do site Nih.gov, ela aumenta os níveis de interferona, uma proteína liberada por células do sistema imunológico para combater agentes patogênicos. Ela pode ser tomada internamente ou usada como um enxaguatório bucal para tratamento da doença periodontal. Para fazer uma lavagem, adicione meia colher de chá de extrato de equinácea líquida para meia xícara de água morna, enxágue e engula. Faça isso até três vezes por dia para ajudar a combater a doença da gengiva e aumentar a imunidade.

A astrágalo é uma erva usada na medicina tradicional chinesa (MTC) devido a suas propriedades estimulantes imunológicas. Ela atua como um adaptogênio — protegendo contra o estresse e trazendo um estado de homeostase ao organismo. De acordo com o site Umm.edu, a astrágalo tem propriedades antibacterianas, antioxidantes e imunológicas estimulantes que a tornam útil na prevenção e tratamento de diversas doenças.

Outras ervas que reforçam a imunidade e que podem ser benéficas no tratamento da doença periodontal incluem ginseng siberiano, cordyceps e alho.

Ervas antibacterianas

As ervas antibacterianas são valorizadas por sua capacidade de matar bactérias patogênicas por todo o corpo. O alho está entre as mais potentes ervas antibacterianas disponíveis. Alicina, o alcalóide ativo no alho — é um poderoso antibiótico de largo espectro, de acordo com o site Garlic-Central.com. Ao contrário de antibióticos sintéticos, o alho não estimula o crescimento de fungos ou torna-se menos eficaz com o uso continuado. Ele pode ser ingerido inteiro ou tomado como um suplemento ou tintura. O alho (inodoro) envelhecido pode ser usado para fazer um enxaguante bucal, usado para tratamento da doença periodontal.

O óleo de eucalipto é de grande utilidade na manutenção da saúde bucal. De acordo com o site JopOnline.org, os pacientes que mastigaram chiclete contendo extrato de eucalipto experimentaram melhoria em várias facetas da doença da gengiva, incluindo a acumulação de placa e sangramento. Embora o óleo de eucalipto puro seja tóxico para ingerir, fazer bochechos ou usar cremes dentais que o contêm pode ajudar a melhorar a saúde oral.

Outras ervas que podem ser úteis na redução de bactérias periodontais incluem óleo de árvore de chá, óleo de Neem e camomila. Para fazer um enxaguante bucal de óleo de árvore de chá ou óleo de Neem, adicione 12 gotas de extrato de Neem ou uma gota de óleo de árvore de chá a 60 mL de água, bochechar e cuspir. O chá de camomila pode ser bebido ou usado para bochecho devido a suas propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas.

Conselhos adicionais

Embora os remédios de ervas possam ser úteis no tratamento da doença periodontal, eles são mais eficazes quando usados em conjunto com as práticas de higiene oral adequada. Escove os dentes pelo menos duas vezes por dia, certificando-se de escovar suavemente ao longo da linha da gengiva. Use fio dental e antisséptico bucal regularmente, e tenha os dentes limpos por um dentista a cada seis meses para evitar o acúmulo de placa bacteriana.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível