Remédios naturais para depressão em idosos

Escrito por emily brown king | Traduzido por lara scheffer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Remédios naturais para depressão em idosos
Existem vários tratamentos para a depressão em idosos

Envelhecer pode torná-lo mais suscetível à depressão. Essa condição geralmente acompanha doenças crônicas que são mais comuns com o avanço da idade. Além disso, seu apoio social pode estar diminuindo devido à morte de pessoas amadas. Ainda assim, a depressão não é uma parte natural do envelhecimento e deve ser tratada seriamente. Medicação pode ser necessária em alguns casos, mas outros tratamentos podem ajudar a levantar o seu espírito.

Outras pessoas estão lendo

Psicoterapia

A psicoterapia é, talvez, o tratamento sem medicação mais comum para depressão em adultos mais velhos — e no resto da população também. Você pode se encontrar regularmente com um terapeuta ou um psiquiatra para discutir os problemas e aprender formas de combater essa doença. Além de se aprofundar em questões e experiências passadas, a terapia pode ser uma educação proativa em como ser uma pessoa mais feliz modificando seus processos de pensamento e comportamento. Um bom terapeuta pode ensiná-lo as ferramentas necessárias para voltar ao funcionamento normal. A psicoterapia também pode ajudar pessoas mais velhas que não estão deprimidas. Apenas o fato de ter alguém para conversar regularmente e expressar suas preocupações pode ajudar a resolver problemas antes que eles se tornem tão sérios quanto a depressão clínica.

Aminoácidos

Algumas alternativas naturais aos antidepressivos podem ajudar você a se recuperar da depressão. Alguns pacientes idosos não toleram medicamentos tão bem quanto pessoas mais jovens, ou os efeitos colaterais podem tornar impossível continuar tomando o remédio. Em alguns casos, a L-Tirosina, L-Fenilalanina e outros suplementos aminoácidos são usados com sucesso para tratar a depressão. Eles podem ter efeitos de mudança no humor quando metabolizados no corpo.

Vitaminas e minerais

Certas vitaminas e minerais também podem ajudar a tratar os sintomas da depressão. Tomar um complexo de vitamina B pode causar mudanças positivas no humor. Geralmente, os pacientes de depressão têm uma deficiência dessas vitaminas, incluindo B6 e B-2. A deficiência de ácido fólico pode ocorrer durante períodos de aflição psicológica, então tomar um suplemento pode aumentar esses níveis novamente e ajudar a tratar a depressão. Uma deficiência de magnésio pode causar o mesmo efeito e tomar um suplemento dele pode ajudar a melhorar seu humor.

Ervas e plantas medicinais

Também existem remédios feitos com ervas para a depressão. Um bom tratamento é com a erva de São João. O extrato dessa planta pode ser um antidepressivo alternativo muito eficaz para algumas pessoas mais velhas. Entretanto, saiba que, assim como nas medicações, podem existir efeitos colaterais e interações medicamentosas com a erva de São João. Ginkgo biloba, embora não seja um tratamento comum para depressão, também pode ajudar as pessoas mais velhas. Geralmente, a depressão deriva de um declínio de funções mentais; a ginkgo biloba pode ajudar a aumentar a função cognitiva, ajudando, assim, a aliviar a depressão para algumas pessoas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível