Remoção de pólipo da bexiga

Escrito por susan reynolds | Traduzido por angela spada
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Remoção de pólipo da bexiga
A dor na bexiga pode ser provocada por pólipos (Thinkstock/Comstock/Getty Images)

A dor na bexiga é compatível com pólipos, que são supercrescimentos pequenos e benignos, que se desenvolvem no revestimento vesical. Ter indigestão, naúsea, azia, dores agudas na bexiga, infecções e edema podem indicar pólipos vesicais. Depois de ser diagnosticado por um médico, alguém que sofra de pólipos na bexiga deve se preparar para sua remoção, que é um procedimento relativamente rápido realizado em um hospital. Como os pólipos podem retornar, você deve estar vigilante ao primeiro sinal de dor na bexiga para prevenir supercrescimentos, câncer e problemas urinários.

Outras pessoas estão lendo

Preparação

As pessoas que se preparam para a remoção de um pólipo vesical devem se abster de urinar por uma hora antes do exame. O médico pode prescrever uma medicação para dor a ser tomada antes da cirurgia. Uma vez no consultório médico, você se deita com as pernas separadas, enquanto a enfermeira administra antisséptico e anestesia local na região genital. Você pode optar por anestesia geral, mas não é necessário para uma cirurgia tão rápida.

Procedimento

O médico irá inserir lentamente um cistoscópio fino, que é um dispositivo estreito e semelhante a um tubo, através da uretra e até a bexiga. Você não deve sentir nada. Quando o cistoscópio estiver posicionado, o médico então encherá a bexiga com solução salina estéril para que possa ver facilmente dentro da bexiga com uma pequena câmara na ponta do cistoscópio. Em seguida, ele corta os pólipos com um pequeno instrumento via cistoscópio ou destrói o tecido com corrente elétrica e retira os instrumentos do corpo.

Posteriormente

Depois da remoção dos pólipos, você poderá sentir dor à micção e talvez algum sangue na urina. O médico pode prescrever medicação para dor e recomendar que você beba muita água para lavar a solução salina e acelerar a recuperação.

Prevenção

Como os pólipos vesicais benignos são associados ao tabagismo, é melhor reduzir o fumo ou parar de fumar completamente para prevenir a recorrência. Em homens de meia-idade é maior incidência de pólipos, sendo maior sua propensão em pessoas que vivem em área urbanizada, assim, ar fresco e alimentos saudáveis podem ser benéficos na prevenção de pólipos vesicais.

Complicações

Algumas complicações passíveis de surgir em decorrência de pólipos vesicais não tratados incluem possível malignidade e metástase, bem como inflamação crônica e dor. Os pólipos vesicais quase nunca desaparecem por si sós, portanto se você estiver sofrendo dessa condição, faça a remoção cirúrgica o mais breve possível. A maioria dos pacientes submetidos à cirurgia para remoção dos pólipos da bexiga podem andar e voltar ao trabalho no dia seguinte.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível