Remoção de pólipos durante a colonoscopia e recuperação

Escrito por karen hellesvig-gaskell | Traduzido por samantha g. silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

De acordo com a Mayo Clinic, um pólipo do cólon é um pequeno grupo de células que se desenvolvem na mucosa desse órgão. Os pólipos colônicos variam em tamanho e formato, sendo geralmente inofensivos. No entanto, a maioria dos casos de câncer de cólon começa como pólipos benignos. Pessoas com 50 anos ou mais estão no grupo de risco para o desenvolvimento de pólipos. A colonoscopia é considerada o método mais eficaz de detecção dessas estruturas. Uma vez identificados, eles podem ser removidos com segurança.

Outras pessoas estão lendo

Tipos de pólipos

O National Cancer Institute (NCI) dos Estados Unidos informa que a maioria dos pólipos do cólon são denominados adenomatosos. Embora apenas um pequeno número de pólipos benignos transformem-se em cancerosos, a maioria dos pólipos cancerosos são adenomatosos.

Os demais pólipos colônicos e retais, em sua maioria, são chamados hiperplásicos. São pólipos minúsculos que se desenvolvem com maior frequência no cólon esquerdo ou reto e dificilmente são malignos.

Sintomas

Os pólipos do cólon nem sempre causam algum sintoma, mas exames regulares como a colonoscopia podem diagnosticar os pólipos em fase pré-cancerosa e removê-los com segurança.

Algumas pessoas com pólipos podem apresentar sangramento retal, fezes sanguinolentas e, em casos raros, dores abdominais.

Colonoscopia

A colonoscopia é o exame disponível mais sensível à detecção do pólipo e câncer colorretal.

Durante a preparação para o exame, seu médico informará as restrições alimentares e quaisquer laxantes a serem ingeridos para a limpeza do intestino. Antes da colonoscopia, você provavelmente receberá um sedativo leve para aliviar qualquer desconforto.

Seu médico utilizará um colonoscópio (um tubo comprido e fino conectado a uma câmera de vídeo e um monitor) para observar seu colo e reto por inteiro.

Remoção

Se pólipos forem detectados durante a colonoscopia, eles provavelmente serão removidos durante o procedimento. Os pólipos são presos por um fio circular que cauteriza suas bases para evitar sangramentos. Segundo o NCI, sangramentos e infecções podem ocorrer em alguns casos.

Para a remoção de pólipos maiores, uma cirurgia minimamente invasiva (laparoscópica) pode ser necessária. Durante o procedimento, pequenas incisões são feitas na parede do abdômen com o auxílio de delicados instrumentos conectados a câmeras que mostra o cólon em um monitor.

Uma vez removidos, um patologista examinará os pólipos à procura de sinais de câncer. Os pólipos com mais de um centímetro são mais suscetíveis à evolução cancerosa que pólipos menores.

Recuperação

A cirurgia laparoscópica proporciona uma recuperação mais rápida e menos dolorosa que uma cirurgia convencional. Normalmente, é necessário apenas um ou dois pontos para fechá-la.

Essa cirurgia é menos traumática para o corpo e, na maioria das vezes, reduz a necessidade de analgésicos. Os pacientes geralmente retornam às atividades normais relativamente rápido.

Ao ser acometido por pólipos uma primeira vez, há uma pequena chance de desenvolver novos pólipos no futuro. Por isso, o acompanhamento médico é muito importante.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível