Como remover placa dos vasos sanguíneos do pescoço

Escrito por evelyn trimborn | Traduzido por aline cortez
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como remover placa dos vasos sanguíneos do pescoço
A placa gruda nas paredes dos vasos sanguíneos, causando problemas de saúde perigosos, mas ela pode ser removida de várias maneiras (blood cells image by Marko Kovacevic from Fotolia.com)

Os principais vasos sanguíneos do pescoço afetados pela placa são os dois grandes localizados em ambos os lados da garganta, conhecidos como artérias carótidas. A placa que se forma nessas artérias é perigosa porque causa um estreitamento, reduzindo, assim, o fluxo de sangue para o cérebro. Isso representa uma maior possibilidade de derrame. Pacientes com placa arterial podem tomar certas medidas para removê-la a fim de reduzir o risco de danos cerebrais.

Nível de dificuldade:
Desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Informações sobre dieta para baixar colesterol
  • Medicação para baixar colesterol (opcional)
  • Uma calculadora de índice de massa corporal
  • Orientações para deixar de fumar (opcional)
  • Aspirina
  • Outros afinadores de sangue (opcional)
  • Informações sobre pressão alta
  • Medicação para baixar a pressão (opcional)
  • Resultados de exames médicos: ultrassom e angiografia
  • Formulários de consentimento informado para a remoção cirúrgica da placa da carótida
  • Informações sobre cirurgia da artéria carótida
  • Instruções de acompanhamento após a cirurgia
  • Instruções de acompanhamento de longo prazo

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Adote uma dieta pobre em gorduras e colesterol LDL (lipoproteína de baixa densidade), como as gorduras animais. Coma mais alimentos que contêm colesterol HDL (lipoproteína de alta densidade), como azeite de oliva, nozes e peixes que tenham ômega 3.

  2. 2

    Converse com seu médico sobre os prós e contras de tomar um medicamento que reduz o colesterol (estatina) para ajudar a reduzir a placa e a inflamação. Tome todos os remédios conforme a prescrição.

  3. 3

    Faça atividade física regularmente, incluindo exercícios aeróbicos e musculação. Faça pelo menos três vezes por semana.

  4. 4

    Mantenha um peso saudável sempre. Se estiver acima do peso, tome medidas para reduzi-lo de acordo com as recomendações do médico. Consulte as orientações sobre o índice de massa corporal para monitorar seu progresso.

  5. 5

    Não fume. Se você fuma atualmente e têm dificuldade de parar, procure um programa de tratamento do tabagismo. Siga todas as orientações para abandonar esse hábito.

  6. 6

    Fale com o médico a respeito de medicamentos para afinar o sangue, como a aspirina ou a varfarina, também conhecida como Coumadin. Avalie os efeitos colaterais da varfarina e sua capacidade de remover a placa das artérias.

  7. 7

    Informe ao médico sobre sua pressão arterial. Se ele receitar, tome medicação para baixar a pressão.

  8. 8

    Consulte um especialista cardiovascular e faça um ultrassom e uma angiografia para determinar a extensão do estreitamento (estenose) ou bloqueio no pescoço.

  9. 9

    Discuta as duas principais opções cirúrgicas para remover a placa das artérias carótidas: a angioplastia com balão e implante de stent ou a endarterectomia de carótida. Avalie os riscos e benefícios de cada procedimento.

  10. 10

    Assine os formulários de consentimento para que seu médico faça o procedimento de remoção da placa, caso a angiografia revele obstrução dos vasos sanguíneos do pescoço. Faça a cirurgia adequada, conforme o nível de estreitamento ou bloqueio da artéria carótida.

  11. 11

    Siga as instruções do especialista após o procedimento para tentar prevenir que a placa se forme novamente. Tome todos os medicamentos exatamente de acordo a prescrição.

  12. 12

    Continue modificando sua dieta para manter o peso adequado e reduzir o colesterol. Faça acompanhamento com o médico realizando exames ou se observar mudanças nos sintomas.

Dicas & Advertências

  • Tente reduzir o colesterol da maneira mais natural possível.
  • Caso precise perder peso, faça isso em um ritmo moderado de aproximadamente um quilo por semana.
  • Todos os medicamentos apresentam risco de efeitos colaterais e podem frequentemente interagir com outros.
  • Se for diabético, consulte o médico antes de fazer mudanças drásticas na sua rotina de exercícios e de alimentação.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível