Reprodução de peixe pacu

Escrito por naomi bolton Google | Traduzido por andre trapani possignolo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Reprodução de peixe pacu
O pacu de barriga vermelha é nativo dos rios da América do Sul (Digital Vision./Digital Vision/Getty Images)

O pacu de barriga vermelha é nativo dos rios da América do Sul. Estes grandes peixes vegetarianos normalmente não são criados em cativeiro, devido ao seu tamanho adulto de até 80 cm. Pacus foram induzidos a se reproduzirem em instalações de pesquisa através do uso de hormônios. Pacus machos adultos são identificados por seu dorso pontiagudo e nadadeiras anal. A cor vermelha no abdômen do pacu também é mais intensa nos machos.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Açude ou aquário
  • Um pacu macho e uma fêmea
  • Seringa e tubo canule macio
  • Placas de Petri
  • Assistente
  • Pipeta
  • Pequenas garrafas de vidro
  • Zooplâncton
  • Aquário para alevinos de 275 litros

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Pare de alimentar a criação de peixes um ou dois dias antes da indução de desova, via injeção de extrato de hipófise.

  2. 2

    Injete na pacu fêmea um extrato de hipófise de carpa uma dose de meia colher de chá para cada 1 kg de peso do peixe. Injete na massa muscular densa na área do ombro do peixe. O extrato de hipófise pode ser obtido em um centro de pesquisa aquática.

  3. 3

    Injete uma segunda dose de extrato de pituitária na mesma fêmea, entre quatro e cinco horas após a dose inicial. Injete uma dose de duas colheres de chá e meia para cada 1 kg nesse momento.

  4. 4

    Imediatamente após dar a segunda dose de injeção na fêmea, injete no macho com uma dose de meia colher de chá para cada 1 kg de peso.

  5. 5

    Observe a pacu fêmea de cima, cinco a seis horas após a segunda injeção. A fêmea grávida mostra visivelmente que está pesada com ovos.

  6. 6

    Retire a fêmea grávida da água e coloque-a em uma toalha molhada. Peça ao assistente que segure o peixe, se necessário. O assistente deve molhar as mãos antes de imobilizar o peixe.

  7. 7

    Insira o tubo canule que está ligado a uma seringa no respiradouro do pacu e puxe delicadamente o êmbolo da seringa, para retirar os ovos do peixe.

  8. 8

    Coloque estes ovos em uma placa de Petri e adicione água sem cloro ao prato. A quantidade de água não precisa ser superior a um terço do volume de ovos no prato.

  9. 9

    Retire o peixe macho e coloque-o em uma toalha molhada. Peça ao assistente que o segure, caso necessário. O assistente deve molhar as mãos antes de imobilizar o peixe. Suavemente esprema o abdômen do peixe, aplicando pressão suficiente para remover o esperma a partir do respiradouro.

  10. 10

    Coloque uma placa de Petri contra o corpo do peixe para pegar o esperma ou sêmen.

  11. 11

    Prepare o sêmen com uma pipeta limpa.

  12. 12

    Esprema até 10 gotas de sêmen para sobre cada 1 ml de massa de ovos.

  13. 13

    Use uma lingueta limpa para misturar o sêmen e os ovos.

  14. 14

    Despeje um pequeno volume adicional de água ao prato, após 15 ou 20 segundos e mexa suavemente o prato mais uma vez.

  15. 15

    Despeje os ovos fertilizados em pequenos francos de vidro, cheios de água dos tanques de peixes adultos.

  16. 16

    Observe a eclosão em aproximadamente 48 horas.

  17. 17

    Alimente os filhotes a partir do terceiro dia após a eclosão com zooplâncton, que está disponível em um centro de pesquisa aquática.

  18. 18

    Transfira os alevinos para aquários de criação de oito a dez dias após a eclosão.

  19. 19

    Nessa etapa, alimente-os com comida em pó para peixe. Alimente três vezes por dia, mas apenas a quantidade que os alevinos podem consumir em 10 a 15 minutos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível