Como reservar passagens aéreas para cães

Escrito por ehow contributor | Traduzido por bruno souza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como reservar passagens aéreas para cães
Com as políticas atuais das companhias aéreas, viajar com seu cachorro é uma tarefa bem mais simples (George Doyle & Ciaran Griffin/Stockbyte/Getty Images)

Você está prestes a fazer uma longa viagem e não pode suportar a ideia de deixar o seu cão em casa ou sob os cuidados de outra pessoa. Não se preocupe. Com as políticas atuais das companhias aéreas, viajar com seu cachorro é uma tarefa bem mais simples! Aqui estão algumas dicas para ajudar a tornar essa jornada muito mais agradável para você e para seu cão.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Faça um planejamento. Dependendo das características de sua viagem, é importante determinar se você tem flexibilidade com as datas. Se o seu cão é menor do que 5,5 kg, ele pode viajar com você na cabine, mas a maioria das companhias aéreas não permite que mais de dois animais sejam carregados no mesmo espaço. Se já exstem cães ou gatos reservados para o mesmo voo, você provavelmente terá que reorganizar as datas de sua viagem.

  2. 2

    Navegue na web. Encontre o voo que melhor se adapta às suas necessidades com base no preço e nas datas disponíveis. No entanto, não reserve o bilhete. Ao viajar com seu cão, você deve antes entrar em contato com a companhia aérea. Você não pode usar o site da empresa já que não há nenhuma maneira de garantir um bilhete ou voucher de viagem para o seu cão.

  3. 3

    Ligue para a companhia aérea. Uma vez que você encontrou o melhor bilhete para a sua viagem, ligue para a empresa e reserve o bilhete. Não se esqueça de mencionar que você estará viajando com um cão. Depois de checar a política da empresa sobre o tamanho dos cães que podem ser levados na cabine, você será capaz de determinar se o seu animal de estimação pode viajar com você ou se ele terá que embarcar em outro compartimento da aeronave.

  4. 4

    Compre o bilhete. Independentemente de seu cão viajar com você ou em outro compartimento do avião (uma cabine pressurizada e iluminada), geralmente há uma taxa adicional que será cobrada pela companhia aérea.

  5. 5

    Faça uma visita ao veterinário. Quase todas as companhias aéreas exigem um certificado de viagem de seu veterinário. Ele afirma que o cão está em dia com suas vacinas. Esses documentos são relativamente baratos na maioria dos casos. Se você tentar embarcar sem um certificado, é provável que a empresa não permita o acesso do cachorro à aeronave.

  6. 6

    Chegue cedo. Para aqueles que nunca passaram por essa experiência, viajar com um cão pode ser um pouco complicado. Chegue ao aeroporto mais cedo, dispondo, assim, de tempo de sobra para se certificar de que seu cão embarcará sem maior problemas, além de ter tempo suficiente para ir ao banheiro, fazer um lanche ou beber um pouco de água antes de embarcar.

Dicas & Advertências

  • Alguns veterinários podem prescrever um leve tranquilizante para ajudar o seu cão a dormir durante o voo. Forneça cobertores velhos para aquecer seu cachorro caso ele tenha que viajar no bagageiro.
  • Se o seu cão estiver viajando no bagageiro da aeronave, leve em consideração comprar um seguro especial. Embora seja raro, há um histórico de cães que foram feridos ou acabaram morrendo durante a viagem. Sem seguro (que é oferecido por uma taxa adicional pela companhia aérea), o seu cachorro pode não estar suficientemente coberto.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível