Como retirar esporos de fungos do ar

Escrito por lisa kelly eason | Traduzido por kelly isayama
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como retirar esporos de fungos do ar
Os esporos de fungos estão presentes dentro e fora de casa (Ablestock.com/AbleStock.com/Getty Images)

Os esporos de fungos existem tanto em ambientes internos como externos, podendo ser encontrados em quase qualquer lugar, em qualquer época do ano. A exposição aos esporos do mofo, que são produzidos por fungos e dispersos pelo ar, pode causar sintomas como congestão nasal, espirros frequentes, coriza, olhos irritados, tosse ou outros sintomas respiratórios. Controlar os esporos de fungos requer a eliminação de fontes de umidade que tornarão propício o crescimento de bolores. Neutralizar o mofo dentro e fora de casa pode reduzir a severidade e frequência dos sintomas causados pela exposição aos fungos.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Produto de limpeza com alvejante
  • Panos descartáveis
  • Ventiladores e respiradouros
  • Higrômetro
  • Desumidificador

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Reduza a umidade interna para 40%. Compre um higrômetro para medir e monitorar os níveis de umidade e use um desumidificador ou ar condicionado em áreas mais úmidas da casa.

  2. 2

    Previna o crescimento de mofos em áreas danificadas pela água e outros objetos ao limpar e secar dentro de 24 a 48 horas. O crescimento de bolor é frequentemente associado com a ocorrência de enchentes. Sempre que possível, use produtos de limpeza com alvejantes, principalmente em cozinhas e banheiros.

  3. 3

    Aumente a ventilação de fontes geradoras de umidade, como banheiros e secadoras de roupas. Faça isso ao longo de toda a casa e ligue ventiladores de exaustão quando for cozinhar e limpar.

  4. 4

    Localize e repare qualquer vazamento de água que permita o crescimento de esporos de fungos, como peitoris, panelas gotejantes na geladeira ou torneiras e canos com vazamento.

  5. 5

    Use detergente e água para limpar o mofo de superfícies rígidas, então seque completamente. Se os fungos crescerem em materiais absorventes, como telhas e carpete, eles provavelmente devem ser substituídos.

  6. 6

    Acrescente isolamento para reduzir a condensação em superfícies geladas, como janelas, canos, paredes externas e pisos.

  7. 7

    Não instale carpete em áreas ricas em umidade, como banheiros e porões. Os cômodos subterrâneos têm um risco maior de desenvolverem bolores e mofos.

Dicas & Advertências

  • Procure por ajuda profissional para remover o mofo se o problema for persistente ou se não for possível remover todos os fungos.
  • Possíveis efeitos sobre a saúde e sintomas associados à exposição a mofos incluem reações alérgicas, asma e outros problemas respiratórios. Deixe as tarefas de limpeza de objetos mofados para aqueles que são menos afetados por esses organismos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível