Riscos de castrar um filhote

Escrito por elizabeth tumbarello | Traduzido por giovana moretti
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Riscos de castrar um filhote
A castração tem muitos benefícios, mas devemos nos atentar aos seus riscos também (Comstock Images/Comstock/Getty Images)

Cirurgias de esterilização em cães são chamadas "castração", tanto para fêmeas quanto para machos. Castrar seu cão significa que ele não poderá mais se reproduzir. Há muitos benefícios na castração, inclusive a redução da população de cães e também a redução de chances de adquirir doenças nos órgãos reprodutivos quando ele envelhecer. Enquanto muitas organizações e pessoas falam sobre os benefícios dessa cirurgia necessária, poucas pessoas discutem os riscos associados à castração em filhotes.

Outras pessoas estão lendo

Morte

A castração é considerada uma cirurgia de rotina, que é realizada muitas vezes todos os anos. Apesar da frequência dessa cirurgia, ela é uma cirurgia e, como qualquer outra, há risco de morte. Os veterinários verificam se o cachorro tem problemas de saúde antes de realizar o procedimento, mas, mesmo assim, acidentes podem acontecer. Embora a chance de morte seja rara, é um risco associado à castração cirúrgica de cães.

Infecção

Em qualquer ocasião em que a pele seja aberta, há a chance de microrganismos entrarem no corpo. Durante a cirurgia, os sistemas internos do seu cão estarão expostos. A equipe veterinária toma um cuidado excepcional ao manter o ambiente asséptico e livre de microrganismo durante a cirurgia. O risco de infecção durante a cirurgia é possível, mas mínimo. Depois da cirurgia, ele se torna um pouco maior, mas, ainda assim, continua mínimo. Manter seu cachorro dentro de casa e monitorar as suturas previne esse risco.

Hipotermia

A castração exige o uso de anestesia geral, o que significa que o cão estará totalmente inconsciente e não sentirá dor alguma durante o procedimento. Os técnicos veterinários vão monitorar seu cão durante a cirurgia para garantir que a anestesia não esteja causando complicações. Como a anestesia diminui a taxa de funções do corpo, há um leve risco do filhote passar por uma queda de temperatura ou hipotermia durante ou depois do procedimento de castração. O risco é elevado em filhotes muito jovens, doentes ou com quaisquer comprometimentos imunológicos.

Reação alérgica

Alguns cães são mais sensíveis que outros. Como os humanos, os cães podem ter reações alérgicas a substâncias diferentes. Seu cão estará em contato com uma variedade de substâncias durante uma cirurgia de castração. O potencial para uma reação alérgica é um pouco maior que os outros riscos envolvidos numa cirurgia de castração, mas esse problema ainda afeta apenas uma pequena quantidade de cães que passam pela castração. Alergênicos potenciais envolvidos em castração incluem os medicamentos pré-anestésicos, a anestesia em si, o material usado para suturar o local operado e o analgésico administrado depois da cirurgia.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível