Rituais da deusa do Sol xintoísta

Escrito por julia drake | Traduzido por aline fernandes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Rituais da deusa do Sol xintoísta
Os rituais xintoístas normalmente incluem a purificação com água (NA/Photos.com/Getty Images)

A deusa do Sol xintoísta do Japão é Amaterasu, ou Amaterasu Omikami. O xintoísmo é a religião nativa do Japão anterior ao budismo. Na fé xintoísta, Amaterasu é a principal divindade (kami). Como divindade suprema, é nela que a linhagem da família imperial tem origem. O principal santuário de Amaterasu é o Grande Santuário de Ise (Ise-jingu), localizado no centro do Japão, ao sul de Nagoya. Seus itens mais sagrados -- a espada, o espelho e o colar -- são mantidos no santuário. São realizados rituais no santuário durante todo o ano em homenagem a Amaterasu.

Outras pessoas estão lendo

Peregrinos

Todo ano, mais de 6 milhões de pessoas visitam o Grande Santuário de Ise. Na entrada de cada santuário, existe uma fonte (bacia) para lavagem, onde os peregrinos podem se limpar ritualmente. Ao se lavarem na fonte, os peregrinos purificam suas mentes e seus corpos antes de buscar as bênçãos de Amaterasu. Os rituais xintoístas costumam requerer algum tipo de purificação ritual, como a limpeza da boca e das mãos antes do culto. Os peregrinos podem visitar o Grande Santuário de Ise para rezar e fazer oferendas para Amaterasu e outras divindades xintoístas cultuadas em santuários adjacentes.

Festival do Arroz

O Kannamesai, ou o Festival do Novo Arroz, é o festival mais importante do Grande Santuário de Ise, e é realizado todo ano, no meio de outubro. Durante o festival, as pessoas oferecem arroz para Amaterasu. Um enviado imperial visita o Grande Santuário de Ise e oferece para Amaterasu arroz da primeira colheita do ano, um pano de seda de cinco cores e outros materiais de natureza sagrada. O arroz é sagrado para Amaterasu, pois ela o deu para o povo japonês há muitos séculos.

Renovação

Um grande ritual dedicado a Amaterasu ocorre a cada 20 anos. O Grande Santuário de Ise é composto por dois complexos: um santuário interior (Naiku) e um santuário exterior (Geku). A cada 20 anos, o Naiku e o Geku são demolidos e reconstruídos com madeira de cedro no mesmo design que as estruturas anteriores. Após a reconstrução, um ritual é realizado, no qual o espelho sagrado de Amaterasu é carregado cerimoniosamente ao Naiku recém-construído. De acordo com a lenda, Amaterasu enviou seu neto para governar o Japão e deu a ele o espelho sagrado. O espelho é fundamental para o mito de Amaterasu, e na crença xintoísta, é a representação terrena da Deusa do Sol.

Ritual caseiro

Para realizar um ritual para honrar a Deusa do Sol, não é necessário estar em seu santuário no Japão. Você pode incorporar um ritual para Amaterasu ao seu cotidiano. Encontre um espelho de mão que possa ser utilizado para a meditação. Libere as distrações de sua mente e olhe para o espelho. Você pode juntar suas mãos e fazer uma mesura antes de iniciar esse ritual. Ao olhar para o espelho, concentre-se nos pontos desordenados e caóticos da sua vida e peça para Amaterasu restaurar a ordem e o equilíbrio neles. Imagine a luz de cura de Amaterasu preenchendo os aspectos desordenados da sua vida. Após meditar sobre os seus problemas, faça uma mesura e termine o ritual.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível