Uma roçadeira articulada Stihl funciona em bambu?

Escrito por james young | Traduzido por laísa nascimento
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Uma roçadeira articulada Stihl funciona em bambu?
É possível cortar bambu com uma roçadeira articulada Stihl (bamboo image by fotografiche.eu from Fotolia.com)

A roçadeira articulada Stihl mais pesada pode servir para cortar bambu. Tanto a Stihl 350, 450 ou 550 precisaria da melhor lâmina dentada e do melhor defletor de limites da Stihl. Os canos ocos do bambu — com uma estrutura mais densa do que madeiras pesadas como o carvalho e o ácer — tendem a beliscar a lâmina à medida em que a cana cai, aumentando os riscos delas voltarem contra quem está cortando. Portanto, cortar bambu com uma roçadeira articulada dessa marca requer mais habilidade e cautela do que quando se trabalha com outros tipos de vegetação.

Outras pessoas estão lendo

Lâminas de três pontos

A lâmina Stihl de três pontos pode cortam juncos de tamanhos diferentes de bambu. Abaixo da serra circular, essa lâmina funciona bem em samambaias, juncos ou canas, moendo a vegetação de baixo para cima. Começando no alto da folhagem ou da cana, ela corta as plantas à medida em que o operador balança-a de um lado para o outro. Abaixada gradualmente através da roçadeira, a lâmina de três pontos corta galhos verdes ou de madeira de até 2 cm de diâmetro. Pequenos galhos verdes de bambu podem ser cortados por essa lâmina, mas tenha cuidado. O bambu seco se quebra mais facilmente do que é cortado. Reduza as expectativas a respeito do limite de corte de diâmetro até 2 cm quando você estiver trabalhando o bambu com a lâmina de três pontos.

Serras circulares

Todas as três roçadeiras pesadas Stihl aceitam as lâminas de serra circulares e o defletor de limites que você precisa para cortar plantas muito grossas, inclusive mudas e canas de até 4 cm de diâmetro. Geralmente, o bambu americano é menor que isso, portanto, essas ferramentas podem fazer o trabalho com facilidade. A lâmina de serra circular Stihl é facilmente afiada, e isso faz com que o operador possa retocar a extremidade cortante enquanto realiza o serviço. Trabalhar no bambu faz com que a lâmina fique cega rapidamente, o que atrasa o trabalho e traz riscos desnecessários. O escudo de limite — obrigatório nesse tipo de lâmina — ajuda a controlar o corte. Colocar a frente do canto esquerdo do escudo contra a cana antes de tocá-la com a lâmina evita que a serra prenda ou balance. Sempre faça o corte com a lâmina girando em alta velocidade, e avance pela superfície de trabalho com uma pressão firme.

Táticas de corte

As táticas de corte são de grande ajuda quando se está trabalhando com bambu ou outras plantas jovens no limite máximo da capacidade da serra. A maioria das plantas curvam-se para um lado, geralmente para longe de outras plantas e para a extremidade de fora do matagal. Comece a trabalhar na lateral para que o ângulo natural da planta leve-a para a esquerda quando ela cair. Trabalhar diretamente no matagal faz com que a cana caia em direção à serra e belisque a lâmina. Quando trabalhar na lateral, o matagal amortece qualquer parte da planta que voltar. Idealmente, a prática elimina os riscos de pedaços de plantas voltarem quando se está cortando. Evite cortar com o lado direito da lâmina, já que ele faz com que pedaços de planta voltem para o operador de maneira incontrolável.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível