Roupas e vestes tradicionais alemães

Escrito por dana griffin Google | Traduzido por andre trapani possignolo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Roupas e vestes tradicionais alemães
Figurinos alemães tradicionais (oktoberfest münchen image by Alta.C from Fotolia.com)

Várias sociedades e clubes nativos da Alemanha, chamados “Volkstrachtenvereine” (Clube de Trajes), promovem a preservação e o renascimento das vestes tradicionais alemãs. O termo “Tracht" (“trachten" no plural, que significa trajes), denota atualmente qualquer forma de vestimenta tradicional ou rústica de origem alemã. Apesar disto, geralmente, este termo se refere a "Lederhosen" (calça de couro) e a "Dirndl" (vestido de camponesa).

Outras pessoas estão lendo

"Tracht" (traje)

Historicamente, o "Tracht" identificava a classe social, o estado civil (casado), a origem (Bavaria) ou o negócio (artesão). Além disso, o termo refere-se não só às roupas, mas aos acessórios, aos pelos faciais, à experiência religiosa e posição social. As vestes variam de acordo com o propósito e a região.

Conforme a burguesia e a aristocracia urbanas desenvolviam uma afinidade com os costumes rurais e a vida no campo, durante o século 19 e início do 20, surgiu o interesse em adotar, preservar e cultivar os tipos de trajes destas regiões, o que resultou em estilos mais atemporais.

"Lederhosen" (calça de couro)

As calças curtas de couro, ou "Lederhosen", usadas por camponeses e lenhadores das regiões alpinas da Áustria e Alemanha, apareceram na aristocracia entre meados e final do século 19, durante o governo do Kaiser Franz Joseph. Os habitantes da Baviera (no sul da Alemanha) desenvolveram um estilo distinto de "Lederhosen", com a aba frontal como é vista hoje em dia. A veste tradicional dos homens incluía a "Lederhosen" combinada com camisas ou suéteres rústicos de linho ou lã, meias grossas de lã e sapatos campestres. Jaquetas e chapéus variam conforme a ocasião e a região, podendo ser feitos de couro, feltro de lã, belbutina de algodão e outras fibras naturais. Além disso, continham botões de metal, correntes e enfeites trançados ou bordados.

Roupas e vestes tradicionais alemães
Lederhosen (bayerische Waden image by Stihl024 from Fotolia.com)

"Dirndl" (vestido de camponesa)

Composto por um corpete justo, vestido longo e anáguas, sendo combinando com um avental contrastante, o "Dirndl" pode ser usado sem mangas ou com uma blusa de renda. Originalmente, este vestido era a roupa de trabalho das servas femininas (as chamadas "Dirn" austríacas). O "Dirndl" tornou-se popular entre as mulheres de classe alta para ser usado em feriados de verão e atividades no campo. Isto aconteceu somente depois que a aristocracia masculina começou a vestir a "Lederhosen".

Dependendo da região e ocasião, adicionam-se também chapéus elaborados, que aparecem, principalmente, em feriados festivos. Outros acessórios estilosos são os bordados, as rendas, fitas e acabamentos trançados.

Vestes tradicionais atualmente

Usar "Tracht" atualmente é um sinal de orgulho nacional e étnico, especialmente em áreas do sul da Alemanha, da Baviera e da Áustria. Em ocasiões especiais, feriados, casamentos e festivais, como a "Oktoberfest", é comum encontrar estes trajes. Tanto jovens como idosos vestem "Leaderhosen" e "Dirndls" nestes festivais.

Indústria da moda alemã

A produção industrial de "Tracht" é próspera na Alemanha atual. Existem influências contemporâneas nas cores, tecidos, adornos e formatos, o que atribui variedade e um aspecto moderno às roupas tradicionais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível