Sangramentos nos primeiros meses de gravidez

Escrito por rebecca o'dell | Traduzido por julio vizo
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sangramentos nos primeiros meses de gravidez
Sangramentos não são incomuns (Jupiterimages/BananaStock/Getty Images)

Sangramentos durante os primeiros meses da gravidez são uma ocorrência muito comum. Embora possam não significar nada grave, também podem indicar problemas sérios. Abaixo estão algumas das possíveis causas de sangramentos no início da gravidez.

Outras pessoas estão lendo

Tipos

Algumas causas de sangramento no início da gravidez podem incluir: sangramento de implantação, infecção, sangramento do colo, aborto ou gravidez ectópica (gravidez tubária).

O sangramento de implantação é normal e ocorre dentro das primeiras semanas de gravidez. Ele aparece como pontos leves de sangue e, em algumas mulheres, é suficientemente forte para parecer uma menstruação leve. Se você estiver nas primeiras semanas de gravidez e perceber algumas manchas, não se desespere, especialmente se não houver dor. De qualquer forma, consulte um médico para ter certeza de que está tudo bem.

Uma infecção do trato urinário ou da área pélvica também pode causar hemorragia, mas esse sangramento é normalmente acompanhado por algum tipo de dor. Se você suspeitar de uma infecção, consulte um médico para evitar prejuízos à saúde do bebê.

O colo do útero fica macio durante esse período e pode sangrar durante a relação sexual. Isso pode não ser um indicativo de algo sério, mas ainda é aconselhável procurar um médico se houver sangramento após a relação sexual, especialmente durante a gravidez.

Um sangramento durante o primeiro trimestre pode indicar um aborto espontâneo. Os sintomas que acompanham um aborto espontâneo incluem dor abdominal forte ou cólicas e liberação de tecidos pela vagina. Se você sentir um sangramento ou cólicas, procure atendimento médico, pois isso é um sinal de início de aborto espontâneo.

Às vezes, esses sintomas são uma indicação de uma gravidez ectópica, que acontece quando o embrião se implanta em algum lugar diferente do útero, geralmente nas tubas uterinas.

Considerações

Se você estiver no primeiro trimestre de gravidez e apresentar sangramento, é importante usar um absorvente para monitorar a quantidade de sangue, abster-se de relações sexuais e evitar a inserção de absorventes internos ou duchas higiênicas. Busque atendimento médico imediatamente se o sangramento for no primeiro trimestre e vier acompanhado de dor ou desconforto. Além disso, se você tiver algum tipo de sangramento durante o segundo ou o terceiro trimestres, não deixe de procurar um médico.

Prevenção e solução

Muitas mulheres apresentam algum grau de sangramento durante o primeiro trimestre e têm uma gravidez bem-sucedida, enquanto outras abortam sentindo os mesmos sintomas.

Geralmente, há muito pouco que uma mulher possa fazer para evitar um aborto espontâneo, e é importante lembrar que um aborto geralmente é causado por defeitos genéticos no embrião. Independentemente da causa, é importante consultar um médico se você estiver enfrentando algum sangramento e procurar a ajuda de emergência se a hemorragia for grave ou estiver acompanhada de dor.

Equívocos comuns

Algumas mulheres não percebem que estão grávidas porque apresentam pequenos sangramentos no início da gravidez, confundindo-os com uma menstruação leve.

Abortos não são geralmente causados por qualquer coisa que a mãe tenha comido ou feito. Trata-se de um mecanismo natural do corpo para interromper a gestação de um feto com defeitos genéticos.

Pequenos sangramentos muitas vezes não são um sinal de problemas graves durante o início da gravidez. No entanto, sangramentos intensos devem ser cuidadosamente verificados.

Em vez de apenas informar ao médico que você está sangrando, dê detalhes sobre o tipo e a abundância do sangramento e relate quaisquer outros sintomas que você esteja sentindo. Assim, ele poderá fazer uma avaliação precisa sobre sua condição.

Aviso

Embora o sangramento no início da gravidez possa não ser um sinal de problema, consulte um médico, especialmente se sentir dor ou cólicas.

Se você tiver um aborto, há duas opções: deixar o aborto continuar naturalmente ou pedir para o médico realizar um pequeno procedimento cirúrgico para acelerar o processo.

Se a gravidez for ectópica, você precisará de atenção médica imediata. O tratamento medicamentoso é a única coisa necessária nesses casos, mas, por vezes, um procedimento cirúrgico é realizado.

Se você estiver sexualmente ativa e sua menstruação parecer especialmente leve em um mês, você pode estar grávida. Nesse caso, é melhor fazer um teste de gravidez e consultar um médico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível