Mais
×

Secreção ocular em cães

Atualizado em 17 abril, 2017

Problemas comuns nos olhos dos cães são geralmente significado de uma secreção ocular que se acumula nessa região. Enquanto isso pode parecer um pequeno problema, se não tratado, alguns dos distúrbios associados podem acarretar em problemas maiores, incluindo a cegueira. No entanto, é importante entender os distúrbios a ela associados para dar ao seu cão o melhor tratamento para a completa cura do problema.

Algumas secreções oculares em cães podem ser algo simples de se curar (dog eye image by Kavita from Fotolia.com)

Olhos secos

A secura dos olhos é o tipo mais comum de problemas oculares que ocorrem em cães. Todas as idades e raças são afetadas quando os sintomas resultam em secreção ocular seca em torno do olho. Isso pode ser devido a exposição alérgica ou a resíduos do ar. No entanto, isso pode ser curado mantendo a região ocular limpa e livre de resíduos, enquanto se limpa a secreção ali naquele local.

Conjuntivite

De forma surpreendente, a conjuntivite é algo que ocorre tanto em humanos quanto em cães. Quando ela aparece, a cobertura que protege os olhos e a pálpebra ficam inflamadas, resultando em olhos inchados e vermelhos e secreção que cobre todo o olho. Ela é geralmente resultado de uma infecção, e deve ser tratada com antibióticos receitados pelo veterinário.

Entrópio

A secreção ocular está também relacionada a infecções entrópicas. As pálpebras viram-se para dentro, criando um atrito no olho em que ocorre a secreção, acarretando lacrimejamento e inflamação. O colírio geralmente é prescrito para aliviar a irritação da fricção. No entanto, a cura completa do entrópio é baseada em cada caso e progressão do distúrbio.

Epífora

A epífora é outro distúrbio em que os cães apresentam uma secreção menor em um olho que pode formar crostas sobre ele. No entanto, as características comuns dela são a super produção de lágrimas nos olhos. O cão fica com a pele manchada devido a isso, sendo geralmente uma reação natural dos resíduos que vêm se depositando nos olhos. O tratamento consiste de colírio e de simplesmente manter os olhos livres de sujeira.

Glaucoma

Em alguns casos, o glaucoma pode ter secreção ocular. No entanto, ele começa quando o olho não é capaz de drenar os fluidos. Quando estes se acumulam, o resultado geralmente é a cegueira. O tratamento do glaucoma consiste de colírio, que ajudará a liberar o fluido em torno do olho. Porém, este não é considerado um tratamento a longo prazo e serve apenas para deter a progressão do glaucoma. A cirurgia para a cura completa do problema de drenagem é a única solução a longo prazo.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article