×
Loading ...

Seguro de vida: prós e contras

A preocupação com a morte e com a situação da família são as principais motivações para os brasileiros que fazem um seguro de vida. Ainda assim, essa não é uma preocupação da maioria dos brasileiros. Uma pesquisa feita pela Susep (Superintendência de Seguros Privados) indica que existem mais seguros de automóveis (40%) do que seguros de vida (31% do mercado). São números que estão mudando rapidamente, já que o seguro de vida (também conhecido por seguro pessoa) vem aumentando, junto com o maior poder aquisitivo da classe média. Mas quais são os argumentos contra e a favor do seguro de vida?

O seguro de vida é uma proteção para a família (Pixland/Pixland/Getty Images)

Baixo custo

Comparado com outros tipos de seguro à disposição no mercado, o seguro de vida possui custo baixo e é bem acessível. Os valores mensais podem variar de R$ 15 até R$ 300, dependendo de fatores como idade e profissão do segurado. Quanto mais velho o segurado, maior o valor das mensalidades, já que a idade naturalmente aumenta o risco de morte. Ainda assim, é um valor consideravelmente menor do que o seguro de automóveis, por exemplo. Sem contar na facilidade de fazer o seguro. Hoje em dia, um seguro de vida pode ser feito rapidamente pela internet.

Loading...
O seguro de vida possui custo baixo (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Recursos imediatos

O seguro de vida é bastante procurado por pessoas que tenham filhos pequenos ou bebês recém-nascidos, já que a chegada de um descendente na família deixa o indivíduo mais sensível. É a preocupação com os familiares que motiva a maior parte dos seguros de vida. Assim, ter uma garantia para uma eventual morte repentina deixa o segurado mais tranquilo quanto ao futuro no caso da sua ausência. Ainda mais considerando-se a disponibilidade imediata do dinheiro. Essa é a principal vantagem em relação às outras modalidades do seguro: no caso da morte, os recursos são rapidamente entregues à família.

Em caso de morte, os recursos são liberados rapidamente para a família (Medioimages/Photodisc/Photodisc/Getty Images)

Diferentes modalidades

As pessoas podem optar por uma série de modalidades de seguro de vida. Há, inclusive, produtos oferecidos dentro do pacote de seguro de vida. Por exemplo, o seguro educacional que cobre todas as despesas referentes à educação dos dependentes caso haja morte do segurado. Essa é uma medida eficaz, que permite que os filhos terminem a faculdade caso os pais venham a falecer. Outra modalidade oferecida é um tipo de seguro especial para as mulheres, que cobre indenizações no caso de doenças como câncer de mama ou câncer de colo de útero. Outra modalidade também fácil de encontrar é o seguro para a terceira idade, com ofertas especiais para os idosos.

Pais com filhos pequenos costumam fazer o seguro de vida (Ryan McVay/Digital Vision/Getty Images)

Cláusulas não cobertas

Só que para fazer um seguro de vida, é preciso ficar bem atento às cláusulas do contrato. É preciso saber bem quais as condições exatas da cobertura do seguro. Há seguros de vida, por exemplo, que não cobrem morte por desastres naturais ou suicídio. Há outros que não oferecem coberturas adicionais para doenças graves, morte do cônjuge ou invalidez causada por acidente de trabalho. É fundamental estudar bem o tipo de seguro que será contratado. Faça um simulado pela internet e compare as cotações das seguradoras, para encontrar o seguro de vida mais apropriado ao seu perfil e da sua família.

Algumas cláusulas não são cobertas pelos seguros de vida (BananaStock/BananaStock/Getty Images)
Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...