×
Loading ...

Os seis sub-estágios de desenvolvimento cognitivo de uma criança

Atualizado em 17 abril, 2017

Jean Piaget, um psicólogo de desenvolvimento suíço, definiu um período na vida de uma criança ou bebê como o estágio senso-motor. Durante esse período, uma criança aprende sobre o mundo ao redor dela e tenta fazer sentido do que vê, ouve e sente. As crianças usam seus cinco sentidos para obter conhecimento. O fim do estágio senso-motor é o desenvolvimento da permanência do objeto ou o entendimento de que um objeto existe quando está fora do campo de visão.

Crianças e bebês aprendem através de seus sentidos (Sky View/Digital Vision/Getty Images)

Reflexos

Essa fase é a mais curta e mais básica dos estágios senso-motores. Durante essa fase, que dura do nascimento até um mês de idade, a criança aprende sobre o mundo ao redor dela através dos seus reflexos, como sugar para comer, chorar por atenção e olhar para rostos e outros objetos para reconhecer.

Loading...

Reações circulares primárias

Essa fase começa com um mês de idade e dura até os quatro meses. Durante esse tempo, a criança está aprendendo através dos reflexos básicos, como sugar e chorar. No entanto, ela começa a aprender que certas ações, como chorar ou sugar o dedo, atenderão uma necessidade ou proporcionará prazer. Por isso, a ação é repetida ou continuada.

Reações circulares secundárias

Essa fase começa aos quatro meses e dura até cerca dos oito meses. A criança começa a aprender que suas ações têm um propósito, então ela se engaja em uma variedade de atividades para alcançar necessidades específicas. Ela tossirá para chamar atenção ou pegará um brinquedo e o examinará com suas mãos, olhos e boca.

Coordenação de reações

Durante essa fase, que começa com cerca dos oito meses e dura até um ano de idade, a criança começa a demonstrar comportamentos intencionais para atingir necessidades específicas. Enquanto as ações anteriores possam ter acidentalmente atendido uma necessidade, esses comportamentos são intencionais. Crianças também começam a reconhecer o uso de objetos, como um chocalho para fazer barulho ou um cobertor para se aconchegar.

Reações circulares terciárias

De cerca de um ano a 18 meses de idade, crianças começam a explorar e experimentar dentro de sua zona de conforto. Elas começam a colocar os brinquedos dentro de outros para ver se cabem, começam a brincar com a televisão ou outros dispositivos para ver como eles funcionam e experimentam com birras para ganhar atenção ou atender uma necessidade.

Pensamento representacional primitivo

O final do estágio senso-motor, culminando em cerca de 2 anos, mostra a criança começando a engajar em faz de conta e desenvolvendo um entendimento de seu mundo de forma mental e física. A criança se conscientiza de que, quando um objeto desaparece ou é largado, ele não está perdido para sempre, assim como quando mamãe vai para o trabalho ou quando o papai sai. Isso significa permanência do objeto.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...