Para que serve a arnica?

Escrito por eulalia palomo | Traduzido por debora joi
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Para que serve a arnica?
A arnica é uma erva nativa da Europa (Siri Stafford/Lifesize/Getty Images)

A arnica tem sido associada à cura de hematomas, torções, dores musculares e inchaços. É uma erva nativa da Europa, onde tem sido utilizada desde o século 16 para tratar lesões e dores musculares por meio de sua aplicação em creme ou em forma de emplastro na área afetada. Em comprimidos, a arnica é tomada, às vezes, em uma forma homeopática muito diluída para lesões semelhantes.

Outras pessoas estão lendo

Arnica tópica

A arnica é usada externamente na forma de creme, gel, óleo, compressa ou extrato para tratar hematomas, inchaço associado a fraturas ou entorses, dores e lesões musculares e para reduzir a inflamação. Óleos, cremes e géis são amplamente disponíveis. Os extratos podem ser feitos por imersão das folhas em álcool por várias semanas para extrair as propriedades curativas; uma compressa pode ser feita por trituração da planta fresca, utilizando-a diretamente na área afetada.

Arnica homeopática

Tomar arnica em comprimidos como um medicamento homeopático é considerado seguro se ela estiver em uma forma muito diluída. Os remédios homeopáticos diluem a essência da planta geralmente na proporção de uma parte da substância para um bilhão de partes de água. Nessa forma altamente diluída, a arnica pode ser ingerida em forma de comprimidos para auxiliar na cura de lesões, inchaços devido a fraturas e traumas, dores musculares e inflamação.

Propriedades

A arnica contém helenalina (uma lactona sesquiterpênica anti-inflamatória), que ajuda na cura da inflamação inibindo seletivamente a ativação do fator de transcrição NF-kB. O fator NF-kB é um regulador importante na resposta do sistema imunitário humano. Ao impedir que a resposta imune jogue todos os seus componentes na área afetada, a arnica pode ajudar a diminuir o inchaço após uma lesão.

Benefícios

A arnica estimula e dilata os vasos sanguíneos, permitindo que, com o aparecimento da lesão, o sangue se mova rapidamente para a área afetada e carregue para longe e de forma rápida as toxinas, impedindo que acúmulo de tecido e sangue inibam a cura. Isso faz com que a Arnica ajude no tratamento de lesões traumáticas da pele.

Considerações/Advertências

A arnica em forma de planta e de extrato deve ser usada apenas externamente. A erva em comprimidos pode causar tonturas, palpitações, vômitos e tremores no coração e, se ingerida em grandes quantidades, pode levar à morte. Ela não deve ser utilizada quando a pele está rachada ou quando há erupções cutâneas. O uso prolongado de arnica pode causar erupções cutâneas; algumas pessoas podem ser alérgicas a essa substância. A ingestão de arnica homeopática altamente diluída é segura, mas, como sempre, ao tratar uma doença ou se você estiver grávida ou amamentando, você deve pedir a opinião de seu médico.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível