O que significa spread em finanças?

Escrito por tim plaehn Google | Traduzido por elia regina previato
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que significa spread em finanças?
O termo spread é usado de diversas maneiras (Visage/Stockbyte/Getty Images)

O termo spread (disseminação) é usado de diversas maneiras em finanças, empréstimos e investimentos. O uso mais comum é em taxas de juros. As taxas da poupança, dos empréstimos e dos investimentos podem ser comparadas ao olhar para o spread entre duas delas e como eles afetam as partes envolvidas.

Outras pessoas estão lendo

Spread bancário

A rentabilidade de um banco é baseada no spread da taxa de juros entre o que um banco paga pelos depósitos dos clientes e as taxas às quais ele empresta o dinheiro. Por exemplo, um banco paga uma média de 0,89% sobre os depósitos e cobra uma média de 4,40% nos empréstimos, resultando em spread da taxa de juros de 3,515%. Se um banco puder ampliar esse spread através da cobrança de taxas mais altas de juros do empréstimo, ele poderá aumentar a sua rentabilidade.

Spread dos indicadores líderes

O Conference Board, por exemplo, utiliza um spread de taxa de juros como um dos indicadores do índice amplamente seguido do conselho dos indicadores econômicos líderes. O spread utilizado pelo Conference Board é a diferença de rendimento entre os títulos do Tesouro de dez anos e a taxa alvo dos fundos federais. Esse é um diferencial entre as taxas de juro de curto prazo e as de longo prazo. Um aumento no spread da taxa de juros pode ser um sinal de aumento da atividade econômica.

Spreads das taxas de crédito

Outro spread financeiro amplamente seguido é o da taxa de juros entre os títulos do Tesouro e títulos de alto rendimento. Os do Tesouro estão entre os mais seguros investimentos em dívida, e os títulos de alto rendimento são aqueles com avaliação de crédito abaixo do grau de investimento. Esse spread é o prêmio que os emissores de títulos de crédito de baixa qualidade devem pagar para emprestar dinheiro acima da taxa de segurança dos títulos do Tesouro. Um aumento do spread do crédito indica que os investidores acham que há uma maior probabilidade de negligência proveniente dos emissores de títulos mais arriscados. O spread geralmente aumenta quando a atividade econômica desacelera.

Spread dos preços

Com cada tipo de instrumento financeiro comerciável ou negociável existe um spread entre o que o comprador está disposto a pagar e o preço pelo qual um vendedor deu indícios de que venderá. Esse spread é o spread de compra e venda. Ações, títulos, opções e futuros têm spreads de compra e venda em seus preços cotados no mercado. Um spread mais amplo nesse contexto indica um uma ação de negociação de baixo volume ou que os formadores de mercado na segurança particular esperam um maior nível de volatilidade.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível