Mais
×

Significado do dióxido de carbono elevado no sangue

Atualizado em 19 julho, 2017

Os níveis de dióxido de carbono no sangue são medidos com um exame de CO2. Este exame mede o bicarbonato, uma forma de dióxido de carbono. O nível alto de dióxido de carbono no sangue pode ser causado por várias condições.

É preciso ficar atento à quantidade de dióxido de carbono no sangue (Comstock/Comstock/Getty Images)

Eletrólitos

Médicos frequentemente pedem um exame de CO2 juntamente com um de eletrólitos e sais no sangue, de acordo com a Biblioteca Nacional de Medicina dos Estados Unidos. O dióxido de carbono em níveis anormais no sangue pode causar desequilíbrios nos eletrólitos do corpo.

Rins e pulmões

Os rins mantêm os níveis de dióxido de carbono adequados na corrente sanguínea. Níveis elevados de CO2 podem ser um sinal de doença renal. Distúrbios respiratórios e outros problemas pulmonares também podem afetar os níveis de oxigênio e dióxido de carbono no sangue de uma pessoa.

Síndrome de Cushing

Níveis elevados de CO2 no sangue podem ser causados pela síndrome de Cushing, uma doença que aumenta os níveis de cortisol no corpo.

Hiperaldosteronismo

Pessoas com hiperaldosteronismo, uma condição que faz com que as glândulas adrenais produzam quantidades excessivas de aldosterona, podem desenvolver níveis elevados de dióxido de carbono no sangue.

Vômito

Pessoas podem desenvolver níveis elevados de dióxido de carbono no sangue depois de muito vômito.

bibliography-icon icon for annotation tool Cite this Article