Sinais de baixa testosterona nos homens

Escrito por andrew bennett | Traduzido por lucas faro
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sinais de baixa testosterona nos homens
Baixa testosterona pode trazer graves consequências (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Já imaginou o que faz os homens diferentes das mulheres? O hormônio masculino, a testosterona, é a resposta. Enquanto a testosterona é essencial para a saúde das mulheres, ela é crucial para muitas funções no desenvolvimento e manutenção do corpo masculino. É considerada um hormônio sexual anabólico (construção) e androgênicos (masculinos). As mulheres produzem testosterona nos ovários. Os corpos dos homens em grande parte fabricam testosterona nos testículos e, em pequena escala, nas glândulas suprarrenais.

Outras pessoas estão lendo

Ato de equilíbrio

Manter os níveis de testosterona ideais é um ato de equilíbrio delicado e engenhoso. No cérebro, as glândulas de hipófise e de hipotálamo trabalham em conjunto para ajustar esses níveis ao longo da vida de um homem. HL ou hormônio luteinizante é o mensageiro que viaja para os testículos para ativar a fábrica de testosterona. A testosterona provoca comportamento agressivo, cria uma sensação de bem-estar, estimula a densidade óssea ideal, o crescimento muscular e características sexuais secundárias.

Homem feminino

A explicação mais simples é que a baixa testosterona torna o homem menos viril. É amplamente estimado que 4 a 5 milhões de homens americanos têm baixos níveis de testosterona, embora apenas 5 por cento nunca procuram tratamento. Metade dos afetados nunca vai sentir qualquer sintoma.

Causas

Existem muitas causas da baixa testosterona. Envelhecimento, disfunção da glândula e doenças genéticas podem causar a subprodução do hormônio importante. Andropausa é considerado o equivalente masculino da menopausa, que é experimentada pelo envelhecimento das mulheres quando deixam de menstruar, e suas alterações de equilíbrio hormonal são drásticas. Para os homens, isso significa uma diminuição constante na quantidade de testosterona livre e total. O corpo masculino produz 1 por cento a menos de testosterona um ano depois de atingir a meia-idade. Com a idade de 70 ou 80 anos, a obesidade, a osteoporose, diminuição muscular e impotência podem se instalar por causa desse declínio hormonal. Isso pode de fato ser a razão pela qual os velhos são considerados tão irritados.

Efeitos colaterais comuns

Os efeitos colaterais comuns da baixa testosterona incluem perda de massa muscular e força, diminuição da libido, disfunção erétil, depressão, diminuição da masculinidade, ganho de gordura, diminuição da energia e desempenho no trabalho e até mesmo perda de altura, devido à diminuição da densidade óssea.

Ginecomastia

O mais constrangedor de tudo é um sintoma normalmente referido como "gino", abreviação de ginecomastia. Nesse caso, os resultados baixos de testosterona e níveis aumentados de estrogênio causando o crescimento de tecido da mama em homens. Quando se trata de homens, há estrogênios bons e maus. Alguns ajudam a prevenir doenças cardíacas. Níveis mais elevados de prolactina e estradiol a feminização do corpo masculino. Certos estrógenos também incentivam e complicam o crescimento de tumores de próstata. Evitar o câncer é um bom incentivo para monitorar seus níveis de testosterona de ano a ano.

Verifique seus níveis

Monitorar os níveis de testosterona requer um simples exame de sangue administrado pelo seu médico ou um especialista em endocrinologia. A faixa normal varia, mas normalmente cai entre 350 e 1200 nanogramas/decilitro. A variação média é a razão por que alguns homens são naturalmente mais musculosos e masculinos do que outros. Os níveis de testosterona são parcialmente genéticos, mas isso não significa que você não pode ter um impacto positivo em seus níveis.

Não perca

Recursos

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível