Os sinais de um casamento sem amor

Escrito por michael faye | Traduzido por eduardo horst maidana
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os sinais de um casamento sem amor
Discussões constantes são um sinal de casamento sem amor (Jupiterimages/Brand X Pictures/Getty Images)

Enquanto a maioria dos casamentos começa com sentimentos de felicidade e euforia por estarem embarcando em uma viagem através da vida em conjunto, estes sentimentos que o casal tem podem desaparecer ao longo do tempo. Conforme os cônjuges se tornam focados em criar os filhos e promover suas carreiras, eles perdem o foco em consolidar o amor que tem um pelo outro. Como resultado, o casamento se torna obsoleto e previsível. A comunicação e a intimidade diminuem, enquanto o tempo passado longe um do outro aumenta, enfraquecendo sua ligação, até que finalmente o casamento se torna inteiramente sem amor.

Outras pessoas estão lendo

Discussões

Quando um ou ambos sentem que não estão sendo ouvidos e suas opiniões e comentários não estão sendo valorizados, eles param de se expressar e internalizam seus sentimentos. Isso leva a uma queda na comunicação dentro do casamento e se torna uma fonte de frustração para ambos. Quando a comunicação finalmente ocorre, ela geralmente evolui para discussões, aumentando ainda mais a frustração que os dois sentem em relação um ao outro e ao casamento em geral.

Muito tempo passado longe um do outro

Uma vez que as discussões se tornaram o método central de comunicação no relacionamento, os cônjuges evitam um ao outro para minimizar as chances de iniciar novas discussões. Amigos provêm distrações bem-vindas, bem como saídas emocionais e se tornam confidentes. Bastante tempo é gasto saindo com eles ou ficando em suas casas. Como resultado, os cônjuges se veem cada vez menos, contribuindo para um posterior colapso do relacionamento

Intimidade diminuída

Em meio à frustração das constantes discussões e falta de tempo juntos, um outro sinal de um casamento sem amor é evidente pela falta de intimidade entre o casal. Pequenos sinais de afeição, como mãos dadas e beijinhos se estinguem. O desejo sexual também diminui porque ele se alimenta da intimidade emocional, sendo uma das primeiras baixas que ocorrem em uma relação conjugal tensa. O casal algumas vezes até dorme em camas separadas ou em diferentes cômodos em sua residência.

Comendo separadamente

A vida ocupada do dia-a-dia no trabalho faz que com os únicos momentos de convivência, durante a semana útil, sejam as refeições, especialmente à noite. O jantar em família é geralmente um ritual sagrado em lares onde tudo vai bem, mas casais insatisfeitos arrumam desculpas para fugir disso, ou minimizam o contato cara-a-cara durante as refeições.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível