Sinais de mini-AVCs durante o sono

Escrito por latasha favors | Traduzido por débora sousa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sinais de mini-AVCs durante o sono
Ronco, sonolência diurna e apneia do sono podem desencadear um mini-AVC durante o sono (Visage/Stockbyte/Getty Images)

Os mini-AVCs ou ataques isquêmicos transitórios (AIT) são ataques que duram um curto período de tempo, normalmente apenas alguns minutos. Os sinais e sintomas desaparecem tão rapidamente como aparecem, geralmente após cerca de uma hora. Embora chamados de mini-derrame, os sintomas assemelham-se ao início de um derrame maior ou desenvolvido, e podem ser perigosos para o indivíduo, mas não causam danos permanentes.

Outras pessoas estão lendo

Fatos

O AIT ou mini-derrame pode ser considerado um aviso e uma indicação de um acidente vascular cerebral grave que pode ocorrer dentro de alguns anos. Ele é geralmente causado por um breve bombeamento inadequado do sangue para as artérias ou um bloqueio das artérias. Por outro lado, um acidente vascular cerebral completo é caracterizado por um coágulo que bloqueia a entrada de sangue em uma determinada parte do cérebro. A causa do AIT e do derrame é a acumulação de placas (depósitos de gordura contendo colesterol) em uma artéria responsável pelo fornecimento de oxigênio e nutrientes para o cérebro.

O sono e o AVC

Um estudo publicado na revista científica American Heart Association Journal mostra que 13 a 44% dos acidentes vasculares cerebrais, tais como derrames menores ou maiores, ocorrem durante o sono. Isso é reforçado por fatores de risco relacionados ao sono, como ronco, sonolência diurna e apneia do sono. A pesquisa concluiu que tanto a apneia obstrutiva do sono quanto o ronco podem provocar pequenos derrames, sofridos enquanto a pessoa estiver dormindo.

Paralisia facial

O primeiro sinal de um mini-derrame é a dormência do rosto, especialmente os músculos faciais de um certo lado do rosto. O indivíduo pode sentir os olhos e a boca caídos e não pode mover corretamente os músculos faciais. Embora esses sinais possam não ser evidentes durante o sono, o indivíduo pode vivenciar esses sinais logo após acordar. Só então ele pode notar uma pequena deficiência na capacidade de mover alguns membros de um lado do corpo.

Apneia do sono

A apneia do sono, um distúrbio exposto por interrupções da respiração durante o sono, pode ser uma indicação ou um risco de ter um mini-AVC ou AIT. Esse distúrbio geralmente dura cerca de 10 segundos ou mais, e pode ocorrer muitas vezes durante a noite. À medida que o ataque ocorre, o enfermo acorda semiconsciente, enfrentando dificuldade para respirar, mas pode não se lembrar que os ataques ocorreram quando estiver acordado.

Dificuldade em engolir

A dificuldade em engolir é outra indicação de que um indivíduo pode estar sofrendo um mini-derrame. Se tiver ocorrido um ataque isquêmico transitório (AIT) durante o sono, o doente pode ter dificuldade em engolir; também é muito provável que ele sofra com engasgos ou falta de ar quando estiver acordado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível