Sinais e sintomas do linfoma de Burkitt

Escrito por contributing writer | Traduzido por lara kimberly pedra barbosa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

O linfoma de Burkitt, comumente conhecido como um linfoma maligno, é uma forma de linfoma do sistema linfático. O linfoma de Burkitt levou o nome por causa de Denis Burkitt, um cientista que descobriu e descreveu a doença. Ela é uma forma altamente agressiva de linfoma que envolve linfócitos-B presentes no corpo dos seres humanos. Esta forma de câncer ocorre principalmente em crianças jovens predominantemente na África Central.

Outras pessoas estão lendo

Tipos

Existem dois tipos principais de linfoma de Burkitt. Estas duas formas são: linfoma de Burkitt endêmico e esporádico. O endêmico é mais comum que o esporádico e é encontrado em maioria em regiões equatoriais da África Central. Por outro lado, linfoma esporádico está presente em várias outras áreas e regiões do mundo --embora a prevalência seja apenas 2% comparado com a forma endêmica.

Sintomas

O linfoma endêmico é a doença mais prevalecente entre crianças na África Central. A causa principal da doença foi tida como a malária crônica. De acordo com a pesquisa, a malária tende a diminuir a resistência ao vírus Epstein Barr, que leva ao desenvolvimento do linfoma endêmico. Os sintomas comuns associados a esse tipo de linfoma incluem inchaço e inflamação do queixo, inchaço do osso facial, problemas de digestão e fraqueza enquanto sentado.

Linfoma esporádico

O linfoma esporádico é o tipo de linfoma de Burkitt que é encontrado em nações não africanas. A degeneração e formação das células do tumor geralmente ocorrem em um padrão similar à forma endêmica. No entanto, os sintomas do linfoma esporádico diferem drasticamente dos da forma endêmica. Os sintomas comuns associados com ele incluem inflamação e tumores perto do íleo e ceco presentes no corpo. Tumores também se formam na medula dos pacientes, que experimentam outros sintomas menos comuns, como inchaço do osso da bochecha e tumores nas glândulas salivares.

Outros sintomas do Linfoma de Burkitt

Outros sintomas comuns associados às duas formas do linfoma de Burkitt incluem tumores no nódulo linfático cervical, câncer abdominal, suor excessivo durante a noite, perda drástica de peso e febre alta.

Sinais comuns associados ao linfoma de Burkitt

Sinais comuns associados ao linfoma de Burkitt incluem linfoma perto do abdome inferior e comumente dos nódulos linfáticos. No entanto, o linfoma pode se espalhar por vários outros órgãos do corpo, e também um paciente pode de repente adoecer já que esta doença não demora muito para se espalhar por várias partes do corpo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível