Mais
×

Sinais e sintomas de problemas na fossa séptica

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Casas e comércios usam sistemas sépticos quando as tubulações municipais não estão disponíveis. Um sistema séptico consiste de um tanque, ou fossa, que é basicamente uma caixa de concreto com conectores internos e uma área de drenagem. A área de drenagem é um sistema de canos que leva a água do tanque séptico à área onde ela deve ser absorvida pelo solo. Os canos são enterrados em 60 a 90 cm da superfície. Geralmente, eles requerem apenas manutenção de rotina e um esvaziamento periódico. Ao reconhecer os sinais de problemas, você pode se adiantar de inconveniências maiores e consertos caros.

Instalação de fossa séptica (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Odores

Seu nariz pode detectar o primeiro sinal de problema. Os odores do esgoto podem advir da própria fossa séptica ou das tubulações. O tanque pode estar sobrecarregado com o esgoto ou com vazamento. Ele deve ser esvaziado a cada três a cinco anos. Nota: a ventilação do banheiro localizada no telhado normalmente emite alguns odores de esgoto.

Drenagem lenta

Se o cano estiver bloqueado ou o tanque não estiver funcionando apropriadamente, você poderá notar que o ralo drena mais vagarosamente. Geralmente, o problema é gradual, mas algumas vezes você tem pouco tempo até que o sistema colapse. Normalmente, a causa é lodo (resíduo sólido) em excesso dentro do tanque. Quando isso acontecer, o resíduo irá voltar pelos canos que levam à fossa, possivelmente derramando sobre o campo de drenagem. Você pode inspecionar o sistema por si mesmo, mas provavelmente terá que chamar um especialista para cuidar do problema.

Água parada

A água parada sobre o campo de drenagem provavelmente significa que os canos não estão drenando apropriadamente, pois estão obstruídos com resíduo. Isso indica que a fossa séptica está cheia. Você pode diminuir o problema, reduzindo o consumo de água. Tome banhos mais curtos; use o lava-louças e o lava-roupas apenas quando tiver carga completa. Considere parar de usar o processador de lixo, que acrescenta um fardo extra ao sistema.

Sons de gorgolejo

Seu sistema não irá bombear no meio da noite para avisá-lo de um problema, mas poderá fazer outros sons perturbadores. Um sistema com refluxo pode fazer com que os canos gorgolejem, particularmente no banheiro. O dreno age como um megafone, transmitindo sons do tanque para sua casa. Se você inspecionar o sistema por si mesmo, não entre no tanque. Os fumos e a falta de oxigênio podem ser letais. A melhor saída é contactar um encanador.

Sinais silenciosos

A falha no sistema séptico pode acontecer sem sinais visíveis ou audíveis. Se os canos do campo de drenagem estiverem cheios de resíduos sólidos, eles não poderão mais distribuir a água para ser absorvida pelo solo. Ao invés disso, eles podem expelir os resíduos, o que pode eventualmente contaminar a água subterrânea. Nessa hora, o primeiro sinal de uma falha no sistema séptico é um teste positivo para bactérias. Esse é o pior cenário, já que o problema vai além do sistema. Inspeções anuais geralmente irão evitar esse tipo de problema.

Como manter seu sistema

Você pode evitar problemas no tanque séptico fazendo inspeções anuais no sistema e bombeando a cada três a cinco anos. Além do uso moderado de água, você pode proteger o sistema mantendo-o livre de graxas, óleo de cozinha, pó de café e limpadores de cano. Não plante árvores ou arbustos acima ou próximos do sistema, já que as raízes podem causar problemas. Proteja a área acima do sistema do escoamento excessivo de água e não deixe que carros passem por ela.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article