Mais
×

Síndrome do vômito bilioso em cães

A síndrome do vômito bilioso (também chamado de gastrite do refluxo) pode acontecer em gatos, mas é visto com mais frequência em cães. O cão não vomita alimentos ou muco, mas apenas bile. Parece uma espuma branca, amarela ou marrom. Normalmente, o cão está de estômago vazio quando começa a vomitar, o que pode ser uma razão para que o vômito do animal com a síndrome geralmente ocorre como o primeiro evento da manhã.

A síndrome do vômito bilioso é frequente em cães, mas pode ocorrer em gatos (Image from Wikimedia Commons.)

Predisposições

Segundo o site VetConnect.com, os cães de meia-idade são mais propensos a desenvolver a síndrome do vômito bilioso do que os idosos. Além disso, os animais com problemas digestivos, como gastrite ou duodenite, também são mais propensos ao desenvolvimento dessa síndrome. Isso pode acontecer em ambos os sexos e em todas as raças, inclusive em vira-latas.

Causas

Há uma variedade de razões para que o cão desenvolva síndrome do vômito bilioso. Pode ser decorrente de lesão, complicação de outra doença digestiva ou problemas em que o estômago não consegue lidar com a bile normal. Outras razões incluem o fato de que haver uma lesão permanente no revestimento estomacal após sofrer uma enfermidade digestiva, e isso o faz tentar expelir a bile.

Tratamento

Se o cão, sob outros aspectos, estiver se comportando normalmente, então pode não haver uma razão para receber medicação. Tente alimentá-lo com guloseimas à noite para ver se isso interrompe o vômito seco; porém, se o cão mostrar outros sintomas, então será necessária a ajuda de um veterinário. Geralmente, o tratamento inclui uma dose noturna de cimetidina, ranitidina ou carafate para ajudar a suavizar o revestimento estomacal. Pode-se também administrar eritromicina.

Diagnóstico

Para se certificar da causa, geralmente é necessária uma amostra de fezes para descartar outros problemas e depois é realizada uma biopsia estomacal. Para isso, o cão é anestesiado. O site VetConnect.com nota que, atualmente, em vez de biopsia, pode-se enviar ao estômago uma minúscula câmera (endoscopia) para que o veterinário o examine.

Advertência

Segundo o livro Dog Owner's Home Veterinary Handbook (Manual veterinário caseiro para o proprietário de cães), o vômito de bile em um estômago vazio também é um dos sintomas de giardíase, ou parasitas internos. Normalmente, isso também é acompanhado de perda de peso e diarreia, mas nem sempre. Se o cão apresentar vômito crônico todos os dias, então o veterinário deverá ser chamado imediatamente.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article