Sintomas de contaminação por Enterococcus faecalis

Escrito por tina m. st. john, m.d. | Traduzido por laila teixeira
Sintomas de contaminação por Enterococcus faecalis

Exames laboratoriais são necessários para confirmar a presença do Enterococcus faecalis

Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images

A bactéria Enterococcus faecalis habita o intestino humano. Em outras partes do corpo, todavia, ela pode causar infecções sérias. Trato urinário, coração, corrente sanguínea, cavidade abdominal e feridas na pele são lugares onde costumam ocorrer esse tipo de infecção, conforme o livro de medicina "Principles and Practice of Infectious Diseases". Os sintomas relacionados a essas infecções são os mesmos, independente da bactéria que a tiver causado. Exames laboratoriais são necessários para determinar se a causa de uma infecção em particular é a Enterococcus faecalis.

Outras pessoas estão lendo

Urgência urinária, frequência e dor

O Enterococcus faecalis é causa relativamente frequente de infecções do trato urinário, conforme diz "The Merck Manual for Healthcare Professionals". Pessoas hospitalizadas recentemente que tiveram um cateter na bexiga ou se submeteram a procedimento envolvendo o trato urinário têm maiores chances de serem infectadas pelo Enterococcus faecalis. Os sintomas mais comuns dessa infecção incluem dor e ardência ao urinar, aumento da frequência urinária e urgência em urinar. Além destes sintomas, uma infecção que atinja o rim normalmente causa febre, arrepios e dor nas costas ou nos flancos.

Febres episódicas, suores noturnos e sintomas semelhantes aos de um resfriado

Enterococcus faecalis pode causar uma infecção no interior do coração e em suas válvulas, sendo essa doença conhecida como endocardite. Os sintomas de endocardite associada ao Enterococcus faecalis geralmente se desenvolvem gradualmente, de acordo com o livro "Principles and Practice of Infectious Diseases". Os sintomas mais comuns incluem febre baixa intermitente, calafrios, dores de cabeça e no corpo, sudorese noturna e fadiga. Uma endocardite duradoura pode danificar as válvulas cardíacas e causar sintomas de insuficiência cardíaca, como falta de ar e inchaço indolor no tornozelo. Endocardite por enterococo é mais comum em homens mais velhos, afirmou Dr. Jay McDonald e seus colegas em artigo publicado em julho de 2005 no "The American Journal of Medicine". Hospitalização recente e câncer aumentam o risco de desenvolvimento da moléstia.

Dor abdominal, náusea e vômito

Enterococcus faecalis pode causar infecções na cavidade abdominal, peritonite e abcessos abdominais, afirma "The Merck Manual for Healthcare Professionals". Estas infecções geralmente ocorrem em pacientes hospitalizados que se submeteram à cirurgia abdominal recentemente ou a procedimentos médicos envolvendo os órgãos da barriga. Pacientes com insuficiência renal ou hepática podem desenvolver infecções abdominais espontâneas sem terem sofrido cirurgia ou procedimento recentemente. Os sintomas de peritonite e abscessos abdominal incluem dor abdominal intensa, fragilidade, náuseas, vômitos e febre. Pacientes com abcesso abdominal podem ter uma massa no abdome, a qual poderá ser sentida no exame físico.

Feridas avermelhadas, inchaço e pus

O Enterococcus faecalis pode causar infecções onde houve incisão cirúrgica, úlceras e queimaduras, especialmente entre pacientes hospitalizados, observam os autores de "Principles and Practice of Infectious Diseases". Feridas infeccionadas geralmente são vermelhas, sensíveis e inchadas. Pus escorrendo da ferida é um sinal importante de infecção. Feridas infeccionadas pelo Enterococcus faecalis geralmente envolvem mais de um tipo de bactéria.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media