Sintomas do excesso de dopamina ou taurina

Escrito por dan navarro | Traduzido por anderson gandor
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sintomas do excesso de dopamina ou taurina
Diferente da taurina, a dopamina não afeta diretamente o cérebro ou o sistema nervoso central (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A dopamina é um neurotransmissor que age principalmente no controle dos movimentos do corpo humano. Embora seja produzido naturalmente pelo corpo, formas sintéticas de dopamina podem ser prescritas para aumentar a frequência cardíaca e a pressão sanguínea. Diferente da taurina, a dopamina não afeta diretamente o cérebro ou o sistema nervoso central.

Outras pessoas estão lendo

Sintomas do excesso de taurina

Existe uma variedade de sintomas que sinalizam que o corpo apresenta um excesso de taurina, que é um aminoácido importante para o metabolismo, entre eles a falta de vitamina B6, deficiência de zinco e desenvolvimento de artrite reumatoide e doença do fígado. Já que o coração é o depósito de taurina para a maior parte do corpo, seu excesso durante longos períodos pode acarretar o desenvolvimento de doenças cardíacas.

Os sintomas do excesso de dopamina

Produzida em quantidade normais, a dopamina funciona como um estimulante cerebral secundário que controla, em primeiro lugar, os movimentos e depois a circulação sanguínea e o metabolismo. Também atua como estimulante para a central de prazer do cérebro. Os sintomas do excesso de dopamina são similares aos efeitos dos químicos, só que mais severos, e incluem o aumento da sensação de tremor nos movimentos, um aumento perigoso da taxa de metabolismo e imprudência causada pela super estimulação da central de prazer do cérebro

Como consertar o excesso de taurina e dopamina

Tanto a taurina quanto a dopamina podem ser prejudiciais em quantidades excessivas, e certos passos devem tomados para administrá-las no corpo. O primeiro deles é controlar a ingestão de dopamina e taurina. Se um excesso de dopamina for ingerido, o corpo irá regular a quantidade da substância no cérebro dentro de algumas horas, no entanto, se o paciente experimentar sintomas como espasmos musculares, mãos trêmulas e batimentos irregulares, deve-se procurar atenção médica imediata.

Se uma quantidade excessiva de taurina tiver sido ingerida, o corpo irá regulá-la no sangue, dentro de algumas horas, eliminando o excesso através da urina. Cuidados devem ser tomados para que os altos níveis de taurina não permaneçam no corpo por longos períodos de tempo, já que podem levar à artrite e doenças do fígado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível