Sintomas físicos do estresse severo

Escrito por darlene zagata | Traduzido por fernanda de assis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sintomas físicos do estresse severo
As causas do estresse são muitas (Christopher Robbins/Digital Vision/Getty Images)

É um fato bem conhecido que o estresse pode afetar nossas vidas de muitas formas. Pode inclusive ter efeitos adversos em nossa saúde física. O estresse severo pode levar a condições crônicas de saúde. É importante reconhecer os sintomas do estresse severo e aprender a lidar com ele de uma forma geral.

Outras pessoas estão lendo

Características

O estresse é a forma com que o corpo reage a estímulos externos. Diferentes circunstâncias, eventos e situações podem levar a uma resposta de estresse. A resposta de estresse também é conhecida como "luta ou fuga". O corpo se prepara para reagir à situação apresentada. O sistema nervoso simpático começa a liberar adrenalina e outras substâncias na corrente sanguínea enquanto as taxas respiratórias e de batimentos cardíacos aumentam. O corpo fica preparado para lutar ou fugir. Em situações de sobrevivência, a resposta de "luta ou fuga" é útil, mas quando se sofre de estresse crônico, o corpo é que sofre, pois se prepara para lutar ou fugir mesmo quando essas medidas não são necessárias.

Tipos

Todos lidamos com estresse em nosso cotidiano. Às vezes nos preocupamos desnecessariamente, o que pode causar vários níveis de ansiedade. Frequentemente nos preocupamos com eventos futuros considerando resultados negativos, o que pode nos manter em um estado de estresse constante até que o evento finalmente acabe. Não se pode evitar totalmente o estresse, já que lidamos com alguma forma dele todos os dias. É preciso aprender a lidar com ele, caso contrário, pode-se culminar numa má saúde devido aos efeitos do estresse severo.

Efeitos

O estresse severo pode causar uma variedade de sintomas físicos. Alguns dos sintomas mais comuns são enxaquecas, síndrome do intestino irritável, fadiga, pressão alta, perda de apetite, insônia e inquietação. O estresse a longo prazo pode levar a condições como úlceras estomacais e doenças cardíacas. Também pode piorar condições como a asma. Se outras condições de saúde já existem, o estresse extra pode agravá-las. O estresse severo afeta o sistema imunológico, enfraquecendo-o. Com o sistema imunológico comprometido, o corpo se torna suscetível a infecções como resfriados, gripes e pneumonia.

Importância

De certa forma, o estresse pode ser comparado a um efeito dominó. Quando é severo a ponto de causar condições físicas de saúde, também afeta os estados mental e emocional. Quando uma pessoa não se sente bem fisicamente, ela tende a se tornar irritável. Tal irritabilidade pode afetar a vida dessa pessoa em aspectos de relacionamentos, familiares, de trabalho e outros. Essa pessoa pode tentar aliviar a sensação de estresse com excesso de comida, consumo de bebidas alcoólicas ou tabagismo, que podem afetar adversamente sua saúde.

Considerações

O estresse severo pode ser associado com ansiedade e pode levar a ataques de pânico. Pessoas que sofrem de estresse severo podem se tornar retraídas, menos sociáveis e passar por momentos de extrema ansiedade, beirando o pânico. Elas podem começar a evitar situações que percebem como estressantes. Pessoas que sofrem de níveis tão altos de estresse podem experimentar sintomas físicos como dores no peito ou dificuldade de respirar.

Prevenção/solução

É importante aprender a gerenciar o estresse de maneira eficaz para prevenir problemas de saúde desnecessários. Não faça mais do que consegue. Quando se trabalha em excesso e sob pressão, fica-se estressado. Evite assumir novos projetos quando já está com a agenda lotada. Seja realista quanto ao que se pode fazer. Perfeccionistas e "workaholics" frequentemente têm um alto nível de estresse em suas vidas, pois tentam fazer muitas coisas e tentam fazer tudo de forma perfeita. Alimentar-se corretamente, dormir bem e aprender a relaxar são coisas que ajudam a aliviar o estresse. Todo mundo precisa de um tempo para sentar e relaxar. Atitudes positivas podem ajudar a eliminar o estresse. É comum que as pessoas se preocupem com o que pode acontecer. Se pudermos parar de tentar viver no futuro e simplesmente 'estar' no presente podemos remover de nossas vidas muito estresse desnecessário. É preciso se preocupar com eventos futuros e tentar imaginar resultados positivos. A vida pode ter seus momentos estressantes, mas não precisamos ser vítimas do estresse.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível