Saúde

Os sintomas de gardnerella

Escrito por rosanne knorr | Traduzido por vanessa arnaud
Os sintomas de gardnerella

Quando o equilíbrio vaginal é perturbado, infecções podem se instalar

Keith Brofsky/Stockbyte/Getty Images

Gardnerella é uma abreviação para Gardnerella vaginalis, também conhecida como vaginose bacteriana, que afeta o trato vaginal nas mulheres. Esta infecção é causada por proliferação anormal de certa bactéria que normalmente é considerada inofensiva associada a uma pequena variação no pH vaginal. Quando as condições normais, saudáveis, se desequilibram, algumas bactérias como Gardnerella vaginalis, Gardneralla mobiluncus e Mycoplasma hominis podem se proliferar e causar infecções.

Outras pessoas estão lendo

Odor vaginal

A queixa mais comum das mulheres que notam este tipo de problema é um odor vaginal comumente descrito como "de peixe" ou pungente. O cheiro pode ocorrer a qualquer momento e costuma ser notado nas secreções deixadas nas roupas de baixo. Também pode ser mais aparente durante o ciclo menstrual ou após uma relação sexual.

Secreção vaginal

As mulheres com infecção por gardnerella também devem notar uma secreção juntamente com o odor mencionado anteriormente. A secreção é viscosa e branca, ou acinzentada.

Coceira e irritação

Algumas vezes, a infecção por gardnerella produz irritação e coceira na região vaginal que é especialmente notada após a relação sexual ou durante o período menstrual. Entretanto, algumas mulheres não percebem esses sintomas.

Células epiteliais

As células epiteliais podem mostrar sinais da infecção bacteriana, mesmo quando a própria mulher não percebe os sintomas. As secreções vaginais combinadas com o sal fisiológico podem produzir uma granulação ou um efeito pontilhado quando vistas ao microscópio. Este efeito demonstra a presença da bactéria Gardnerella.

Ausência de sintomas

Em muitos casos, a mulher pode não perceber nenhum sinal de que contraiu a infecção ou interpreta os sintomas de outra forma, concluindo que possui outro problema. Por exemplo, ela pode pensar que se trata de uma infeção fúngica e tratar por conta própria com diversos medicamentos. Mesmo sem tratamento, a infecção por gardnerella pode desaparecer sozinha e a mulher nunca saberá que aconteceu. Ou, em alguns casos, a infecção pode causar complicações mais tarde, especialmente durante a gravidez.

Diagnosticando os sintomas

Se houver dúvida sobre a causa exata da secreção vaginal, a coceira ou outros sintomas, um médico pode realizar um exame pélvico e testes de laboratório que demonstrem se a secreção é normal e evidenciem as causas. Exame microscópico do fluido vaginal pode confirmar a presença de gardnerella; tratar a secreção com solução de hidróxido de potássio pode tornar o odor mais perceptível e os valores de pH podem ser verificados para descobrir se estão dentro da faixa normal, que é levemente ácido em uma vagina saudável.

Sintomas mais graves

Infecções por gardnerella não costumam ser sérias. De fato, como já dito, podem não causar sintomas e a infecção pode desaparecer por conta própria sem que a mulher tome conhecimento disso. Entretanto, existem advertências de que a infecção pode aumentar o rico de inflamação pélvica, infertilidade, gravidez ectópica, partos prematuros ou bebês nascidos com baixo peso. Por este motivo, especialmente as gestantes devem fazer exames para detectar a infecção. Além disso, a infecção bacteriana pode aumentar o risco de infecção por doenças sexualmente transmissíveis, como HIV, gonorreia, herpes ou clamídia, e podem contaminar o parceiro.

Não deixe de ver

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media