Os sintomas da luxação acrômio-clavicular

Escrito por rick suttle Google | Traduzido por marcella narvaes
Os sintomas da luxação acrômio-clavicular

Os sintomas da luxação acrômio-clavicular

Thinkstock Images/Comstock/Getty Images

A luxação acrômio-clavicular (separação) ocorre quando há entre a clavícula e ossos da escápula na parte superior do ombro. Os graus de separação variam (graus 1-6), causando níveis diferentes de lesões nas juntas e sintomas. Pessoas que praticam esportes de contato (com impacto e quedas) ou levantam pesos estão propensos a terem essa luxação. O tratamento geralmente inclui descanso, calor, medicação e exercícios de reabilitação.

Outras pessoas estão lendo

Tipos de sintomas

As lesões de grau 1 envolvem luxações parciais dos ligamentos entre a clavícula e a escápula. Os sintomas geralmente incluem inchaço e dor leve a moderada. Normalmente há mais dor e inchaço com uma lesão de grau 2 devido ao ligamento ter sido completamente rompido. De acordo com os profissionais da saúde do site Sportsinjuryclinic.net, "A dor pode parecer espalhada pelo ombro até que a dor inicial seja resolvida, seguido a isso é mais provável que seja uma área de dor sobre a junta".

Outros tipos se sintomas

As lesões de grau 3 a 6 envolvem o rompimento de múltiplos ligamentos sobre e abaixo da clavícula. O deslocamento do osso da clavícula é o que diferencia os graus. Com todos esses níveis, provavelmente haverá muita dor, queimação e também uma sensação de pulsação no ombro. Se os nervos forem machucados, pode haver fraqueza ou até dormência no braço. A pessoa normalmente fica com um inchaço visível na parte superior do ombro.

Efeitos de descanso, gelo e medicação

O descanso é recomendado para aqueles com lesões nas juntas do ombro. O descanso impede que a lesão se agrave e ajuda a controlar os sintomas, como inflamação e dor. O gelo ajuda a reduzir o inchaço e dor ao limitar temporariamente o fluxo de sangue e do fluido linfático. Medicamentos anti-inflamatórios, tais como ibuprofeno e naproxeno, podem ajudar a reduzir o inchaço e dor. E em casos mais graves, injeções de cortisona podem ser administrados para reduzir o inchaço dolorido.

Benefícios dos exercícios

Exercícios de rotina podem ser introduzidos cedo com luxações menos graves. Os exercícios podem incluir alongamento, exercícios de ganho de força e movimento. Eles são recomendados assim que a dor for controlada, ajudando a aliviar a rigidez no ombro e promover o fluxo de sangue na área (com as suas propriedades de cura). Balançar os braços livremente como um pêndulo ou puxar o ombro em direção ao peito são tipos de exercícios de movimento e alongamento, respectivamente. O levantamento de halteres leves pode ajudar a fortalecer as juntas e músculos adjacentes, além de aliviar a dor e outros sintomas.

Frequência

Uma pessoa pode superar uma lesão na junta grau 1 e os seus sintomas dentro de algumas semanas. As lesões de grau 2 levam o dobro do tempo. Pessoas que são mais ativas em relação ao tratamento se recuperam mais rápido. Já as de grau 4 a 6 geralmente precisam de cirurgia e um período de reabilitação.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2015 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media