Sintomas de paralisia nas pernas de cães idosos

Escrito por bridget kelly | Traduzido por érika reis
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sintomas de paralisia nas pernas de cães idosos
Cães idosos podem ter paralisia (Thinkstock/Stockbyte/Getty Images)

Quando os nossos animais de estimação começam a envelhecer, um grande número de doenças pode atacar. Normalmente, os sinais são sutis -- talvez um problema quando andam. Um dia, porém, notamos que o problema se transformou em um cão mancando. Logo depois, o animal pode ter dificuldade para levantar depois de estar deitado. Se a paralisia começar, há motivo para grande preocupação. Existem várias causas de paralisia em um cão idoso.

Artrite

Você pode pensar que a artrite é algo que só os seres humanos têm. Mas os nossos animais de estimação podem sofrer com a dor e a rigidez da mesma maneira que nós. Especialmente se o cão teve algum tipo de ferimento no passado, ele terá uma tendência para a artrite na velhice.

Artrite em cães aumentam gradualmente ao longo de meses ou mesmo anos. Os sintomas podem não ser notados no início. Eles incluem um andar rígido e dificuldade de levantar depois de estar deitado por algum tempo. A rigidez durante o clima frio é outro sintoma da artrite canina. Conforme a condição avança, o cão pode se tornar instável durante a caminhada e perder a amplitude de movimento.

O atendimento com um veterinário incluirá o tratamento da dor e rigidez nas articulações com suplementos. Os veterinários também recomendam que o cão faça exercícios de baixo impacto em uma base diária -- por exemplo, uma breve caminhada ou nadar.

Síndrome de Cushing

Como os sintomas são iguais aos da artrite, a síndrome de Cushing é muitas vezes mal diagnosticada no cão mais velho. Os sintomas incluem muitas coisas que acontecem naturalmente no cão idoso: ganho de peso, perda de pelo, micção excessiva e rigidez articular.

A síndrome de Cushing é uma condição causada por uma superprodução de um hormônio no cão chamado glucocorticoide. Essa substância é produzida pelas glândulas supra-renais, no comando da glândula pituitária. Se algo der errado em qualquer uma dessas glândulas, o glicocorticoide será produzido em excesso, causando a síndrome de Cushing.

A síndrome de Cushing geralmente ocorre em cães de idade média a avançada. Os machos e as fêmeas de qualquer raça são suscetíveis. Os sintomas mais comuns incluem o excesso de consumo de água e a micção, aumento de apetite, aparência inchada e perda de pelo. Em seus estágios avançados, o cão terá uma diminuição da força muscular e parece ter artrite extrema ou paralisia em seus quartos traseiros .

Embora não haja cura para essa doença, os sintomas podem ser tratados. O tratamento inclui soluções cirúrgicas e não cirúrgicas.

Mordida de carrapato

As mordidas de carrapatos são uma causa muito comum de paralisia em cães. Algumas variedades de carrapatos têm uma substância venenosa em sua saliva. Os primeiros sintomas de uma mordida paralisante incluem vômitos e falta de coordenação nos quartos traseiros do cão.

Mielopatia isquêmica

Se você tem um cão de grande porte que apresenta sinais de paralisia, a mielopatia isquêmica pode ser a causa. Essa condição é causada por um bloqueio de uma das artérias na medula espinhal. O aparecimento dela é súbito e pode afetar uma ou as duas pernas traseiras, todos os quatro membros, ou mesmo apenas um lado do corpo. O diagnóstico requer radiografias da coluna vertebral e, possivelmente, uma ressonância magnética.

Não há tratamento para a mielopatia isquêmica. A maioria dos cães se recupera dentro de algumas semanas. Alguns nunca chegam a se recuperar.

Outras causas de paralisia em cães

Venenos e infecções também podem causar paralisia em um cão. A doença degenerativa da coluna também é algo que seu veterinário deve considerar.

Se você está preocupado com a saúde de seu animal de estimação, contate o seu médico veterinário.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível