Sintomas de recaída de leucemia

Escrito por cl hendricks | Traduzido por rodrigo gammaro alves nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

De acordo com a Leukemia and Lymphoma Society, 245 mil pessoas têm leucemia e a taxa de sobrevivência aumentou mais de quatro vezes nos últimos 48 anos, nos Estados Unidos. O tratamento para a leucemia é focado na intenção de levar os pacientes à remissão completa. Os sintomas de recaída após a remissão da doença são os mesmos que se manifestam quando a doença aparece inicialmente. Uma vez que a remissão é alcançada, é importante continuar a monitorar pacientes com leucemia para observar esses sintomas que podem indicar uma recaída.

Outras pessoas estão lendo

Visão geral

A leucemia é um câncer que ataca as células do sangue na medula óssea. A medula óssea produz os glóbulos brancos que combatem as infecções, e as células vermelhas do sangue que transportam oxigênio e plaquetas, e ajudam na coagulação. A Leucemia causa o excesso de produção de células doentes, que são células sanguíneas brancas anormais. Eventualmente, essas células excedem as células sanguíneas saudáveis em número ​​e causam sintomas como hemorragias, anemia e infecções. As células de leucemia, às vezes, migram para os gânglios linfáticos e causam dor ou inchaço.

Tipos de leucemia

Existem quatro tipos de leucemia baseados na velocidade de crescimento e características. A leucemia linfocítica indica que a doença se desenvolve nas células linfoides. A leucemia mieloide desenvolve-se nas células mieloides. Ambas podem ser considerados agudas (de aumento rápido) ou crônicas (crescimento mais lento) e no qual existem mais células maduras. Estes quatro tipos são chamados de: leucemia linfocítica aguda (LLA), leucemia mieloide aguda (LMA), leucemia linfocítica crônica (LLC) e leucemia mieloide crônica (LMC).

Sintomas da LLA

Os sintomas da leucemia linfocítica aguda são causados pela migração das células doentes através da corrente sanguínea e se multiplicam em órgãos como cérebro, fígado, baço, nódulos linfáticos e testículos. Isso provoca fadiga, fraqueza e febre. Devido aos baixos níveis de plaquetas, os pacientes muitas vezes experimentam sangramentos ou hematomas frequentes. Dores de cabeça e vômitos são comuns, assim como a dor nas articulações e ossos. A LLA é mais comumente diagnosticada entre crianças de dois a cinco anos e adultos com mais de 45 anos.

Sintomas da MLA

A leucemia de mielócito aguda é o tipo mais comum em adultos. Os sintomas são devido ao aumento do número de células de leucemia e diminuição do número de células sanguíneas normais saudáveis. Isto resulta em fraqueza, pele pálida e falta de ar devido à falta de oxigênio nas células do corpo. O sangramento aumenta devido à redução de plaquetas e ao aumento de infecções como contagem de gotas de glóbulos brancos saudáveis. Com o aumento das células de leucemia, há muitas vezes dor articular ou óssea.

Sintomas da LLC

A Leucemia linfocítica crônica é mais comum em adultos mais velhos e rara em crianças. Frequentemente, aqueles que têm leucemia linfocítica crônica não apresentam quaisquer sintomas. Os sintomas que podem aparecer são o aumento de infecções, nódulos linfáticos indolores e alargados nas axilas, barriga ou área do pescoço, suores noturnos, cansaço e febre. Perda de peso inexplicável e sensação de saciedade ou dor abaixo das costelas também são sintomas. A LLC é tipicamente descoberta no decurso de um teste de rotina do sangue.

Sintomas da LMC

A Leucemia mieloide crônica é uma forma menos comum de leucemia e também é conhecida como leucemia de granulócitos crônica. A maioria dos pacientes desse tipo é de adultos, mas as crianças podem desenvolver a doença. Essa condição tem três fases: crônica, acelerada e explosão. Na fase crônica, há menos e mais leves sintomas de infecção. A fase de aceleração gera sintomas de anemia e inchaço do baço. Na fase de explosão há aumento de infecções, tal como dificuldade respiratória, hemorragia, fadiga, dor de estômago e nos ossos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível