Mais
×

Situações embaraçosas que rolam nas prévias do sexo

Getty Images

Introdução

Criar um clima para a relação sexual é sempre um passo importante para que tudo corra da melhor forma possível. Por isso, sempre pensamos nos pequenos detalhes e buscamos caprichar nos preparativos de um primeiro encontro. Tudo é válido para deixar uma ótima impressão ou até mesmo ter um repeteco. Contudo, alguns podem acontecer imprevistos durante as prévias e criar situações embaraçosas que podem até comprometer sua noite. Alguns, inclusive, chegam a interrompê-la definitivamente. Veja algumas das situações com as quais você pode ter que lidar, se é que já não enfrentou. Lembre-se de que nessas horas o bom humor sempre ajuda.

Getty Images

Sutiã resistente

Seja por nervosismo ou por pura inabilidade, o sutiã pode se tornar um tremendo obstáculo nas prévias do sexo. Há quem simplesmente não consiga abri-los rapidamente, chegando a quebrar um pouco o clima. Alguns ficam hipernervosos e, depois da batalha com a peça, não conseguem manter a calma durante as preliminares ou mesmo na hora H. Para piorar, alguns sutiãs têm fechos diferentes (e portanto ainda mais difíceis). Se for o caso, não se afobe: respire fundo, relaxe e faça da situação algo engraçado e não constrangedor. Isso pode inclusive ajudar a quebrar o gelo.

Amos Morgan/Photodisc/Getty Images

Derrubando tudo

Existem duas formas de derrubar objetos nas prévias do sexo. A primeira é a intencional e até pode fazer parte do clima, ou seja, eliminando rapidamente do caminho tudo o que puder atrapalhar. Já a segunda é a marca dos desajeitados. Se há quem não consiga abrir um sutiã, existem também os que deixam uma trilha de desastres por onde passam. E assim vão quebrando copos, amassando livros e destruindo tudo ao redor. Se isso acontecer com você, não se desespere para não correr o risco de aumentar o prejuízo. No próximo encontro, se houver, compense as perdas com um presentinho.

Getty Images

Invasão de animais

Gatos, cachorros ou aves são animais de estimação comuns. Portanto, não é de se estranhar que alguns deles possam aparecer nos ambientes onde não são convidados. O casal pode estar curtindo o momento e, de repente, ser interrompido por um gato na cama, em cima de ambos. Cachorros e papagaios ruidosos também podem atrapalhar o rala e rola. Por isso, ao levar alguém em casa, mantenha os animais em um local onde não causarão incômodo.

George Mayer/Hemera/Getty Images

Pedidos inusitados

Todos temos fantasias sexuais, certo? Mudar um pouco a rotina e criar um clima e situações diferentes para animar o sexo é algo que ocorre com certa frequência. Mas quando alguém deseja alguma coisa inusitada? Já imaginou estar nas preliminares e, de repente, a pessoa ao seu lado pede para que você faça algo um tanto esquisito? Você até pode se recusar, sugerir outra coisa, fazer escândalo ou rolar de rir. Mas, definitivamente, o clima já terá ido para o vinagre. Se isso acontecer com você, seja educado, mas deixe claro que não é possível atender o pedido.

Getty Images

Falta de higiene

Mau hálito, desodorante vencido, banho atrasado... tudo isso pode resultar em um momento constrangedor ou mesmo em um problema capaz de fazer a noite naufragar. Evidentemente, se você tiver um encontro agendado, não deixará que nenhum desses problemas ocorra. Mas e se o encontro não foi planejado e você não teve chance de se preparar? Sim, amigos, ninguém está livre de situações como essa. E, por vezes, elas podem inclusive resultar não apenas em um desastre momentâneo, mas em uma crise prolongada. Afinal, as pessoas costumam contar às outras suas experiências.

Getty Images

Roupas de baixo calamitosas

Assim como a falta de higiene, o uso de peças íntimas com pouco apelo sexual pode ser um problema em uma relação não planejada. Calcinhas da vovó, sutiãs detonados ou cuecas com estampas cômicas nos fazem sentir ridículos e deixam os parceiros com a sensação de que escolheram a pessoa errada. Aparecer com uma roupa de baixo rasgada também não vai ser nada bom. Portanto, é melhor pensar duas vezes antes de sair de casa com a primeira peça que encontrar. E se não for possível evitar, tente ao menos se livrar da peça de roupa o quanto antes.

simonkr/iStock/Getty Images

Telefone, esse inconveniente

O telefone é um equipamento conhecido pela sua inconveniência. Ele geralmente toca nos momentos mais inadequados, como durante o sono ou quando estamos no chuveiro. Obviamente que ele irá disparar alucinadamente quando você estiver em casa, prestes a iniciar uma bela noite com o seu amor. Tentar ignorá-lo é a coisa certa a fazer, mas em algum momento você ou ele(a) ficará impaciente com a insistência do aparelho que insiste em tocar. Então, virá a preocupação. Será uma emergência? Por isso, desligue todos os aparelhos, fixos ou móveis, para evitar esse problema.

Wavebreakmedia Ltd/Wavebreak Media/Getty Images

Visitas indesejadas

Ninguém está livre de visitas. Algumas delas, inclusive, podem simplesmente ir à sua casa sem aviso prévio, por qualquer motivo que seja. E como prever esse tipo de inconveniente? Você pode até tomar algumas providências, como apagar as luzes ou pedir ao porteiro para não deixar ninguém entrar, mas nenhuma dessas medidas tem 100% de eficácia. Por isso, uma batida na porta ou o toque da campainha pode significar uma cortada de onda justamente em um momento crucial. Situação chatíssima! Se não houver como evitar a visita, despache-a imediatamente.

Getty Images

Música ruim

Escolher uma música para “criar um clima” é um método bem comum na hora da sedução. No entanto, essa é uma faca de dois gumes: já imaginou comparecer a um encontro e o(a) pretendente colocar para tocar um artista que você odeia? Convenhamos, essa é uma péssima forma de iniciar um encontro íntimo. Se não sabe qual o gosto musical da pessoa com quem pretende transar, não coloque nada. E se o(a) parceiro(a) tocar uma música ruim, dê um jeito de desligar o som, como se fosse sem querer.

Getty Images

Falar o nome de outra pessoa

Você está nas preliminares, o clima está ótimo e estão se dando muito bem. De repente, a pessoa fala o nome de outra pessoa. Não importa se são casados ou se nunca se viram antes: essa é uma situação que pode acabar não só com o clima do quanto com uma relação inteira. “Por que ele(a) falou o nome de outro(a)?” é a pergunta que ficará na cabeça. Mas e quando é você quem comete o vacilo? Em qualquer caso, o melhor é tentar evitar o conflito, ao menos no calor do momento.

AndreyPopov/iStock/Getty Images

A temida brochada

Isso pode acontecer com qualquer um. É o que sempre dizem a um homem que falhou na hora. E é fato: todos estão sujeitos a enfrentar esse problema, mais cedo ou mais tarde. Se nas prévias do sexo o casal perceber que o homem não está "comparecendo", o clima corre grande risco de naufragar. Se isso acontecer, a solução é apenas uma: não se afobar, não fazer cobranças a você mesmo ou à outra pessoa. O melhor a fazer é tentar manter o clima e prolongar as preliminares até que o "rapaz" se anime novamente.

Getty Images

Quarto bagunçado

O quarto está uma bagunça: a cama entulhada de coisas, tem sujeira em todos os móveis, as roupas se espalham pelo cômodo e a visão é de caos. Se isso acontece com seu quarto, o constrangimento é quase certo. Mas se for na casa do(a) parceiro(a), a sensação pode ser de desânimo. Mas não se preocupem: o sexo pode e deve ser divertido em qualquer ocasião. Deixe de encanações com a arrumação, tire os obstáculos que aparecerem pelo caminho e parta para a festa. Afinal de contas, isso lá é momento de ficar reparando na casa?