Sobre os anos 80

Escrito por contributing writer | Traduzido por natalia peres
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Sobre os anos 80
Sobre os anos 80 (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Os anos 80 trouxeram muitas mudanças sociais, políticas e econômicas para os EUA e o mundo. Nossos valores e modos de pensar mudaram. Novas tecnologias alteraram a estrutura de nossas vidas diárias. Práticas estabelecidas e instituições deram espaço a novos modos mais eficientes de fazer as coisas e lidar com outras. As identidades se misturaram mais, já que o acesso a outras culturas aumentou e as pessoas realizavam várias funções.

Outras pessoas estão lendo

Características

A guerra do Vietnã acabou, o Disco estava morto e um ator chamado Ronald Reagan se mudou para a Casa Branca. O vídeo acabou com as estrelas do rádio após o lançamento da MTV em 1980. Logo depois, Madonna explodiu nas paradas pop com melodias cativantes que apelaram para a juventude dos EUA e vídeos picantes que estimularam a controvérsia. Bruce Springsteen trouxe a voz do homem que trabalha para a cena musical. O pequeno Michael Jackson cresceu e deu início a uma mania de dança. Moda e música se misturaram como nunca antes. Os jeans eram onipresentes, o uso de só uma luva estava na moda e adolescentes vestiam saias de renda e contas de rosário antes de sair para o shopping. O movimento punk que começou na década de 1970 cresceu mais dominante conforme a banda de rock britânica Sex Pistols ganhou atenção nos Estados Unidos. Logo, a juventude suburbana podia ser vista usando moicanos, piercings esportivos, delineadores e roupas rasgadas. Apesar de influências mais escuras sobre a cultura, os melhores shows de televisão dos anos 80 mantiveram-se familiares em sua maioria. "The Cosby Show" e "Laços de Família" ofereceram diversão cômica em família com lições de vida, enquanto "Cheers" apresentava bares adoráveis. A televisão, ainda uma invenção relativamente nova, tornou-se mais importante para a vida estadunidense. Todo mundo queria saber "quem atirou em J.R." , quando "Dallas" criou o primeiro "Cliff hanger" de final de temporada que mudou para sempre a programação da televisão. Milhões de pessoas sintonizadas para assistir aos casamentos espetaculares de realeza britânica, do príncipe Charles com Lady Diana Spencer e do Príncipe Andrew com Sarah Ferguson. Estas uniões infelizes que mancharam a instituição da realeza britânica são apenas dois exemplos de como noções preconcebidas foram introduzidas em suas cabeças em 1980. A atriz e ativista política Jane Fonda tornou-se uma sensação. Ronald Reagan deixou para trás os filmes de chimpanzés para se tornar o presidente dos Estados Unidos. Por fim, nossas noções de masculinidade foram desafiadas em 1985, quando Rock Hudson morreu de Aids e foi revelado que ele era gay.

Sobre os anos 80
Características (Kevin Winter/Getty Images Entertainment/Getty Images)

Inventos

Na década de 1980, a tecnologia cresceu aos trancos e barrancos. Cientistas se esforçaram para criar inovações que tornariam a vida mais fácil e mais agradável. De repente, centenas de canais de televisão ficaram disponíveis para aqueles dispostos a instalar placas de 3 m de largura em seus quintais. Quem perdesse o que todos esses canais tinham para oferecer, poderia gravar os programas perdidos em seu novo videocassete, disponível em VHS ou Betamax. Evitar o chefe ou os sogros se tornou muito mais fácil, pois a secretária eletrônica trouxe a prática de triagem de chamadas. Crianças e adultos encontraram novas opções de entretenimento com a introdução dos computadores domésticos e dos primeiros sistemas de videojogos. O dia de comer sobras espalhou-se para as famílias que compraram um novo forno de micro-ondas. A mãe adorava não ter que cozinhar, enquanto as crianças odiavam o reaparecimento de couves indesejadas. Todos os avanços tecnológicos, no entanto, não foram positivos. O crack explodiu no cenário das drogas, prejudicando os bairros mais pobres como uma praga. Os efeitos do progresso sobre o meio ambiente ganhou a atenção, já que a lista de espécies ameaçadas cresceu, um buraco na camada de ozônio foi descoberto e preocupações sobre a chuva ácida vieram à tona. Finalmente, vimos o Challenger explodir em 28 de janeiro de 1986 e fomos lembrados de falibilidade da humanidade.

Sobre os anos 80
Inventos (Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images)

Importância

Novas tecnologias combinadas com a mudança na estrutura das famílias prepararam o terreno para o progresso e as modificações em muitas áreas. Como a taxa de divórcio subiu, as mulheres passaram a ter maior necessidade de trabalhos em período integral e lucrativo. Novas indústrias e diferentes modos de pensar garantiram lugar a elas. Os movimentos de mudança social iniciados nos anos 60 e 70 também começaram a afetar significativamente as políticas no local de trabalho. As mulheres entraram na força de trabalho e ganharam poder aquisitivo como nunca antes. Ronald Reagan nomeou Sandra Day O'Connor para o Supremo Tribunal, a primeira mulher a ocupar este cargo prestigioso. Em 1984, Geraldine Ferraro abriu as portas para as mulheres no poder, quando se tornou a primeira mulher a concorrer à vice-presidência. A minoria também ganhou uma melhor posição com a mudança do ambiente de trabalho. Mais oportunidades e melhores pagamentos do que se poderia ter esperado nos anos 70 tornaram-se realidade. Veteranos do Vietnã, tão desencantados com o seu tratamento ao voltar para casa, foram um pouco difamados quando em 1982 o Memorial da Guerra do Vietnã foi erguido em sua honra. A Guerra Fria, que se alastrou entre os EUA e a URSS por décadas, finalmente chegou ao fim. Ronald Reagan, lembrado por sua política externa, implorou a Mikhail Gorbachev que "derrubasse aquele muro". Sob imensa pressão para mudar e talvez movido pela ajuda oferecida após o desastre nuclear de Chernobyl, ele finalmente ouviu. Milhões ligaram a televisão no final de 1989 para assistir ao Muro de Berlim indo abaixo, e os sonhos da Alemanha de reunificar-se foram realizados.

Sobre os anos 80
Importância (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Equívocos

Muitos se lembram dos anos 80 como uma época feliz e de boa sorte, cheia de paz e prosperidade. Outros pensam na década como um período de excesso, desilusão e do fim dos bons costumes. Na verdade, houve progressos em muitas áreas, mas pouca paz, medo espalhado e incerteza financeira para muitos. O dia 19 de outubro de 1987 trouxe a pior queda do mercado de ações da história, superando até a grande quebra de 1929. No final da década, o déficit nacional havia crescido em proporções épicas. Enquanto muitos segmentos da população floresceram economicamente durante essa época, outros continuaram a sofrer na pobreza. Demissões generalizadas em determinados setores, bem como um crescente problema de drogas, causaram muitos danos aos estadunidenses que já viviam no limite. O advento da AIDS colocou medo nos corações de todos. Pouco se sabia sobre esta doença mortal e sua transmissão até o final da década. A desinformação e a discriminação, por vezes, foram intensas. Enquanto os militares dos EUA estavam muito menos ocupados do que em décadas anteriores, as condições de todo o mundo estavam longe do ideal. A fome na Etiópia e Uganda ganhou a atenção mundial. O conflito de mudanças cresceu em países como El Salvador, Líbano, Irlanda do Norte, Irã, Iraque, Filipinas, Panamá, China e África do Sul. Alguns conflitos foram finalmente resolvidos e outros permanecem voláteis por décadas.

Sobre os anos 80
Equívocos (Goodshoot/Goodshoot/Getty Images)

Efeitos

Os eventos da década de 1980 tiveram um impacto duradouro sobre as estruturas familiares e econômicas, as relações exteriores e os modos de pensar. Famílias divorciadas e misturadas, uma vez tabu, eram comuns. A maioria das famílias tinha uma renda dupla, às vezes com a mulher colaborando mais. Não apenas as oportunidades de escolher a carreira se tornaram maiores para as mulheres do que eram antes da década de 80, mas as forças econômicas fizeram a renda delas necessária para a sobrevivência de muitas famílias. O consumismo e o excesso que imperavam na década de 1980 persiste de muitas maneiras. Atitudes modernas em relação a gastos e símbolos de status, assim como a difusão da inovação, continuam a refletir as atitudes dos anos 80 que valorizam o fato de ser o maior, o mais novo e o mais rápido. Os esforços realizados durante essa década para estabelecer os Estados Unidos como uma superpotência continuam a servir bem ao país no cenário internacional. Especificamente, as relações com a Rússia e a China têm melhorado muito devido a medidas tomadas durante os anos 80. Nossos líderes mundiais não foram os únicos a atravessar a divisão continental. As inovações tecnológicas dos anos 80 levaram a uma melhor e maior comunicação entre todos em todo o mundo. Em termos globais, as linhas entre nós estão se apagando.

Sobre os anos 80
Efeitos (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Não perca

Referências

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível